ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Adeus G-4. Palmeiras só empata com Cruzeiro.

Alviverde utiliza reservas pensando na Copa do Brasil e amarga empate em casa contra Raposa.

Por Paulo Edson Delazari
Gabriel luta por bola com Bruno Rodrigo. (Foto: Gazeta Press)

Gabriel luta por bola com Bruno Rodrigo. (Foto: Gazeta Press)

Com pensamento na Copa do Brasil, o Palmeiras entrou em campo com uma equipe considerada mista para o duelo contra o Cruzeiro. Com um gol de Lucas Barrios na segunda etapa, o time paulista arrancou um empate com o embalado Cruzeiro em 1 a 1, no Allianz Parque. Marcos Vinícius fez o gol dos visitantes na partida, que foi válida pela 36ª rodada do Brasileiro.

Com o empate, as duas equipes acabaram ganhando posições na tabela do torneio – com a ressalva de que a rodada só será finalizada neste domingo, quando os outros nove jogos serão disputados. O Cruzeiro é o sétimo, com 52 pontos, a quatro pontos do G-4. O Palmeiras, por outro lado, é o nono, com 50.

Pelo Brasileiro, o Palmeiras volta a campo no próximo domingo, 29 de novembro, contra o Coritiba, às 18h, no Allianz Parque. Antes, o time enfrenta o Santos pela ida da final da Copa do Brasil, na quarta-feira, na Vila Belmiro.

Já o Cruzeiro joga na próxima rodada da Série A também no domingo, mas às 17h, contra o Joinville, no Mineirão.

Embalado pela boa sequência, o Cruzeiro conseguiu abrir o placar logo aos 20 minutos de partida. Willians inverteu a bola da direita para esquerda, João Pedro não conseguiu dominar nem afastar e a bola sobrou para Marcos Vinícius. O jovem meia dominou, cortou para dentro e bateu forte para fazer 1 a 0.

Foi o terceiro gol do jogador no Brasileiro. Ele já havia marcado contra Sport e Avaí.

Barrios saiu do banco e deu empate ao Palmeiras.(Foto: Gazeta Press)

Barrios saiu do banco e deu empate ao Palmeiras.(Foto: Gazeta Press)

E o time mineiro teve boa chance de aumentar o placar aos 32 minutos. Willian recebeu e ficou na cara de Fernando Prass, mas viu seu chute ser bem bloqueado pelo arqueiro palmeirense.

O time paulista, aliás, foi neutralizado pelos mineiros. Sem eficiência, viu as seis finalizações irem para fora – o Cruzeiro chutou 10 vezes e acertou quatro.

Depois de um primeiro tempo apagado, o Palmeiras conseguiu o empate na bola área. Aos 25 minutos, Lucas Barrios – que havia entrado no lugar de Cristaldo – aproveitou bom cruzamento de Egídio, venceu a disputa com Bruno Rodrigo pelo alto e cabeceou para empatar o duelo.

Logo após o gol, o técnico Mano Menezes foi expulso. Ele reclamou que no lance o árbitro Elmo Resende da Cunha não autorizou a entrada de Willian, que estava fora de campo após receber atendimento médico.

Depois, no entanto, nenhum dos dois times conseguiu alterar o placar e sair com a vitória.

FICHA TÉCNICA:
PALMEIRAS 1 x 1 CRUZEIRO

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 21 de novembro de 2015, sábado
Hora: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Cristhian Passos Sorence (GO)
Público: 19.395 pagantes
Renda: R$ 836.744,50
Cartões amarelos: Mouche e Leandro Almeida (Palmeiras); De Arrascaeta (Cruzeiro)
Gols: Lucas Barrios, aos 25 minutos do segundo tempo (Palmeiras); Marcos Vinícius, aos 20 minutos do primeiro tempo (Cruzeiro)

PALMEIRAS: Fernando Prass; João Pedro, Nathan (Vitor Hugo), Leandro Almeida e Egídio; Thiago Santos, Arouca e Allione (Gabriel Jesus); Kelvin, Mouche e Cristaldo (Lucas Barrios). Técnico: Marcelo Oliveira

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Bruno Rodrigo, Manoel e Fabrício; Henrique, Willians e Ariel Cabral; Marcos Vinícius (Alisson), De Arrascaeta (Leandro Damião) e Willian (Marquinhos). Técnico: Mano Menezes