ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Miranda marca e Atlético é o Campeão da Copa do Rei!!!

Na prorrogação, zagueiro fez o gol do Atlético que garantiu o trunfo sobre Real Madrid 

Por Vladimir da Costa

A final da atual temporada na Espanha não poderia ter desfecho melhor para o Atlético de Madri e em especial para um jogador brasileiro. Depois de 14 anos sem vencer seu maior Rival, a equipe colchonera venceu o Real Madrid, em pleno Santiago Bernabéu. O décimo título da Copa do Rei.

E o título veio na prorrogação. Miranda foi o autor do gol que  acabou com o jejum de 25 jogos sem derrotar o Real.

A partida teve de tudo. Mourinho cada vez mais perto de sair do comando foi expulso no segundo tempo, assim como Cristiano Ronaldo que perdeu a cabeça no fim da partida e recebeu o cartão vermelho após um entrevero com Gabi, dando início a uma rápida confusão fora dos gramados. A emoção foi até o último minuto. Courtois pegou arremate da pequena área de Özil e definiu de vez a vitória.

Ronaldo vibra apos abrir o placar no Santiago Bernabeu (Foto: AP)

O jogo

Jogando em seus domínios, o Real Madrid dominou o começo da partida. Com Cristiano fazendo o que sabe fazer de melhor, partindo pra cima do adversário, e criando as principais chances de ataque dos merengues. Do outro lado, os colchoneros mal conseguiam trocar passes. A equipe estava tensa dentro de campo.

Com amplo domínio, o gol não demorou a sair. Aos 13 minutos, após escanteio cobrado da direita, CR7 subiu com liberdade e cabeceou no canto direito do gol, abrindo o placar para os merengues.

Passados 20 minutos, o Atlético resolveu jogar e conseguiu equilibrar a partida. Muito mais na base da raça, conseguiu equilibrar as ações, embora a falta de criatividade ainda atrapalhasse na hora de criar jogadas.

O Real seguia melhor, com maior volume de jogo, mas parou de atacar. Quase não assustava o gol defendido por Courtois.

Aos 34 minutos, o castigo. Falcão Garcia resolveu aparecer e pro bem da equipe empatou o jogo. Como a bola não chegava muito a frente, o artilheiro resolveu recuar e num lance de habilidade, deixou Albiol para atrás, e deixou Diego Costa livre para bater na saída de Diego López e deixar tudo igual.

Passado toda a pressão e o nervosismo, o Altético de Madri voltou mais solto e e passou a criar boas chances de gols, principalmente no contra-ataque, já que o Real voltou em cima, pressionando em busca do segundo gol.

Diego costa vibra depois de marcar o gol de empate na final da Copa do Rei (Foto: Reuters)

Aos 14 minutos, Gabi cruzou e Filipe Luís acertou um belo chute de primeira, que passou perto do gol de Diego López, Dois minutos mais tarde o troco do Real. Cristiano Ronaldo fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Benzema, que acertou a trave. No rebote, Özil tentou marcar, mas Juanfrán tirou em cima da linha. A equipe merengue aplicou uma blitz e acertou mais uma vez a trave. CR7, mandou a bola na trave após cobrança de falta aos 23 minutos.

Com o passar do tempo, as duas equipes ficaram mais cautelosas e passaram a valorizar mais o toque de bola de lado, do que realizar investidas no ataque, o com isso o jogo ficou morno. Só esquentou quando Mourinho foi expulso aos 31 minutos, depois de reclamar excessivamente com o árbitro.

Prorrogação

No tempo suplementar, o Real Madrid sentiu o cansaço, fez três substituições e com jogadores ainda “frios” quase levou o gol do Atlético, que sem mudanças e totalmente concentrado na partida. Diego Costa recebeu bom passe de Arda Turan, mas pegou mal na bola e Diego López fez a defesa sem grandes dificuldades.

No entanto, aos oito minutos do primeiro tempo da prorrogação, Koke cruzou da direita, Miranda se antecipou a Diego López e fez o gol da virada.

A partida praticamente acabou ai. A partida seguiu quente do lado de fora.. Cristiano Ronaldo e Gabi foram expulsos, muita reclamação e discussão fora de campo, coisa que pouco importava para o torcedor do Atlético, alheio tudo a isso, era só festa nas arquibancadas do Santiago Bernabéu.

Miranda fez o gol do titulo diante do Real Madrid (Foto: AFP)