ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Bom empate para o São Paulo contra o Botafogo.

Jogando fora de casa e apresentando um futebol consistente, Tricolor volta com 1 ponto na mão.

Por Paulo Edson Delazari
Marcado por Lodeiro (esq) e Gabriel (c), Jadson arrisca passe durante jogo entre São Paulo e Botafogo (Foto: Vitor Silva)

Marcado por Lodeiro (esq) e Gabriel (c), Jadson arrisca passe durante jogo entre São Paulo e Botafogo (Foto: Vitor Silva)

O time do São Paulo foi ao Rio de Janeiro e enfrentou no Maracanã o vice líder Botafogo e diante das circunstâncias voltou com um ponto na bagagem  após empate em zero a zero. O resultado não é ruim para a equipe de Paulo Autuori que agora terá duas partidas com concorrentes diretos na zona de rebaixamento. Na terça enfrenta o Náutico em Recife e na quinta encara o Criciúma no Morumbi.

Contando com as ausências de Luis Fabiano e Aloísio Osvaldo voltou ao time, mas pouco fez, diante de tantas ausências Paulo Autuori promoveu as estreias de Welliton e Negueba, sendo que o primeiro em uma disputa de bola com Doria, ao cair lesionou o ombro e é duvida para as próximas partidas do Tricolor.

Um jogo em cima do outro se deve a partida atrasada contra o Náutico devido a excursão a Europa e ao Japão em Julho, assim a equipe do Morumbi fará três jogos em seguida nesta semana. O time seguirá hospedado no Rio e irá para Pernambuco na segunda, retorna a São Paulo na quarta-feira onde joga na quinta e no fim de semana vai ao Paraná enfrentar o Curitiba fechando o primeiro turno.

Com o resultado de hoje o São Paulo não perde a quatro jogos sendo três empates e uma vitória. Nos jogos diante do cariocas o Tricolor não perdeu neste turno, vencendo Vasco e Fluminense e empatando com Flamengo e Botafogo.

Com esse ponto conquistado o São Paulo chegou a 15 pontos e ocupa agora a 19ª posição, mas a três pontos de sair desta situação incomoda, pois o Fluminense encontra-se com 18 e um jogo a mais. Já o Botafogo chegou aos 30 pontos e está em quarto lugar e volta a jogar na quinta-feira contra o Coritiba no Maracanã.

O Jogo

Lucas Evangelista, do São Paulo, tenta desarmar Edilson durante jogo contra o Botafogo. (Foto: Vitor Silva / Divulgação)

Lucas Evangelista, do São Paulo, tenta desarmar Edilson durante jogo contra o Botafogo. (Foto: Vitor Silva / Divulgação)

Na busca para sair da incômoda 19ª posição o São Paulo não tinha outra alternativa a não ser atacar e o jogo mal começou e a equipe tricolor foi pra cima e aos sete minutos Osvaldo cruzou da esquerda para o meio e o ex-zagueiro botafoguense Antônio Carlos recebeu sozinho na marca do pênalti na hora de bater de esquerda o defensor bateu de tornozelo permitindo que Doria afastasse o perigo.

Deste momento em diante o São Paulo dominou a partida, mas não era efetivo, assim as ações foram se equilibrando, a primeira chance botafoguense surgiu na bola parada, Seedorf bateu escanteio cheio de efeito, a bola ia entrando e Rogério defendeu, na sobra Antônio Carlos deu um chutão impedindo que Doria fizesse.

Etapa Complementar

O segundo tempo começou mais movimentado que o primeiro, contudo o meio campo continuava muito congestionado, assim o primeiro chute a gol só aconteceu aos 17 quando Rafael Marques invadiu da direita para esquerda e chutou para defesa segura de Rogério Ceni no meio do gol.

Como Osvaldo não rendia Paulo Autuori promoveu uma estreia, o atacante Welliton que veio do Grêmio entrou e logo na sua primeira jogada aos 20 o garoto efetuou cruzamento do lado esquerdo e Lucas Evangelista bateu, por pouco a bola não entra.

A resposta veio um minuto depois Julio Cesar tabelou com Seedorf e cruzou no fundo, Lodeiro cabeceou dividindo com Antônio Carlos e a bola passou raspando o poste direito de Rogério.

O São Paulo ainda teve grande chance no final da partida com bola nos pés de Douglas, mas o lateral não viu a passagem de Reinaldo sozinho pela esquerda, quando ficaria frente a frente com o goleiro, perdendo a bola para Doria.