ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Brasil fecha Copa 2014 na quarta colocação.

Seleção brasileira foi derrotada pela Holanda em jogo válido pela disputa de 3º e 4º lugar.

Por Paulo Edson Delazari
Holandeses comemoram o gol de Van Persie. (Foto: Getty)

Holandeses comemoram o gol de Van Persie. (Foto: Getty)

Não foi a despedida que a Seleção Brasileira queria. Neste sábado, depois ser privado do sonho de buscar o título da Copa do Mundo da FIFA em seus domínios, o time acabou derrotado pela Holanda por 3 a 0, em Brasília. Assim a canarinho teve de se contentar, com o quarto lugar, posição que não alcançava desde 2002.

Da mesma forma que aconteceu na trágica semifinal contra a Alemanha, a defesa da equipe de Luiz Felipe Scolari foi pega desprevenida no início do jogo, sofrendo dois gols irregulares em menos de 20 minutos. No primeiro um pênalti dado onde Robben foi derrubado fora da área e o juiz marcou pênalti logo aos 3 minutos e  o segundo aos 17 quando De Gusmann recebeu impedido e cruzou para área, Davi Luis cortou de cabeça para o meio da área e Blind não perdoou. Era um prejuízo considerável para ser revertido contra um adversário muito qualificado, que encerra de modo invicto sua campanha.

O Brasil ao menos conseguiu reter a bola a partir daí, equilibrando as ações em campo, passando a se aproximar da área holandesa a partir da metade final do primeiro tempo. Mas o time não conseguia finalizar de modo ameaçador ou acertar o cruzamento. No segundo tempo, o panorama não se alterou. No finalzinho da etapa final, veio um terceiro gol holandês de castigo, em contra-ataque armado pela faixa direita de campo e o de sempre ocorreu, Janmaat cruzou do fundo para trás e Georginio Wijnaldum bateu de primeira vencendo Julio César.

Maicon recebe carrinho de Blind que saiu contundido da partida após choque com Oscar.  O lateral holandes ainda fez o segundo gol da partida(Foto: Getty)

Maicon recebe carrinho de Blind que saiu contundido da partida após choque com Oscar. O lateral holandes ainda fez o segundo gol da partida(Foto: Getty)

A Seleção, desta forma, se tornou a anfitriã que tomou mais  gols numa edição da Copa (14, contra os 12 da Suíça em 1954). Foi a terceira vez na história dos Mundiais em que a equipe sofreu dois reveses seguidos, depois de 1966 e 1974.

Agora a seleção volta a jogar em setembro nos dias 05 e 09 nos Estados Unidos e depois em Outubro em Pequim diante da Argentina. A seleção ainda encara em Novembro Japão e Turquia e fecha suas apresentações em Dezembro com amistoso ainda não definido. Em 2015 a seleção brasileira enfrentará a dura missão das eliminatórias e ainda a Copa América.