ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Brasil goleia Japão e Diego Alves segue sem sofrer gols

Em boa apresentação brasileira, time vence por 4×0 e mantém goleiro invicto.

Por Paulo Edson Delazari

Mano Menezes orienta seleção contra Japão. (Foto: Rafael Ribeiro/ divulgação CBF)

Nesta terça-feira, na Polônia, o time do técnico Mano Menezes goleou o Japão por 4 a 0. Paulinho, Neymar (dois) e Kaká marcaram os gols do Brasil. Mais uma atuação para ninguém colocar defeito na Seleção. Defesa sólida, meio-campo combativo e ataque eficiente, um futebol coletivo, fazendo a diferença, graças a experiência de Kaká.

Diante de um time mais qualificado que o Iraque, a seleção demonstrou boa atuação com uma marcação forte desde a saída de jogo adversária, manutenção da posse de bola e efetividade na frente do gol a seleção foi efetiva. Foi exatamente assim que o time de Mano Menezes comandou a partida contra o Japão desde o início do primeiro tempo. A equipe japonesa havia vencido a França por 1×0 em plena capital francesa.

Com menos de 15 minutos, Paulinho acertou um belo chute de fora da área e abriu o placar. O volante quase marcou outro gol antes de o Brasil ampliar com Neymar. Kaká fez boa tabela com o lateral-direito Adriano, entrou na área e o juiz marcou pênalti, não foi, mas o juiz marcou. O camisa 11 bateu com a força e eficiência de sempre e fez 2 a 0 para a Seleção.

Goleiro Diego Alves em aquecimento no Estádio Polonês. (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Dominando a partida, o Brasil viu o seu goleiro ser testado algumas vezes na primeira etapa, mas Diego Alves esteve bem em todos os lances, o goleiro do Valência, ex- Almeria de Portugal completou sua quarta partida com a camisa brasileira e não decepcionou, agora são quatro jogos sem sofrer gol na meta brasileira.

Antes de sair para o intervalo, o ataque da Seleção mostrou mais uma vez que está esbanjando categoria. Neymar trabalhou com Kaká, que tocou com categoria para o gol, mas a bola bateu caprichosamente na trave. A equipe com a presença do meia começa a tomar forma.

Sem alterações na equipe na volta para o segundo tempo, o time do técnico Mano Menezes continuou dominando as ações da partida. Tanto que não demorou para Neymar ampliar o placar. No primeiro escanteio para o Brasil no jogo, o camisa 11 dominou bonito no peito, escorregou na hora do chute, mas contou com a sorte e viu a bola ir parar do fundo das redes após desviar no zagueiro japonês.

Jogadores comemoram vitória sobre o Japão (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Quando Mano Menezes já preparava a primeira substituição da Seleção, Giuliano entraria no lugar de Hulk, Neymar lançou Kaká em velocidade pela esquerda. Na sua principal característica, assim como já havia feito contra o Iraque, o camisa 8 arrancou, passou pelo zagueiro e bateu cruzado para fechar o placar. 4 a 0 Brasil.

O técnico Mano Menezes convocará no dia 30 de outubro, às 11 horas, no Hotel Sheraton no Rio de Janeiro. A Seleção Brasileira enfrentará a Colômbia, no último amistoso de 2012 no dia 14 de novembro, no Estádio MetLife em New Jersey, EUA, às 22:30h de Brasilia.