ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Com desfalques, Timão perde para o Inter no Sul

Timão perde depois de muito tempo e se afasta do líder Cruzeiro

Por Vladimir da Costa

O Internacional finalmente conseguiu vencer a primeira no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. Após seis empates, a equipe colorada venceu o Corinthians na noite desta quarta-feira, em jogo válido pela 18.ª rodada do Brasileirão.

Foi um jogo brigado, tenso, mas de pouca técnica e de poucos lances de perigo. O que não faltou foi polêmica. O primeiro e mais contundente foi no primeiro tempo, quando o Fabrício marcou com Cássio machucado, o árbitro anotou o gol, mas voltou atrás.O segundo, já com o Inter na frente, Emerson tocou a mão na bola dentro da área, mas o árbitro interpretou como lance normal e mandou seguir.

Inter e Corinthians fizeram partida disputada em Nova Iguaçu.  DivulgaçãoInternacional

Inter e Corinthians fizeram partida disputada que terminou com vitória dos donos da casa. (Foto: DivulgaçãoInternacional)

Agora, o Corinthians que não perdia desde a sétima rodada, parou na quinta colocação, com 29 pontos, ficando a oito do líder Cruzeiro. O Internacional vem logo atrás, com 27 pontos.

O JOGO

Assim como os donos da casa, o Corinthians entrou em campo com diversos desfalques, principalmente no ataque. sem Alexandre Pato e Paolo Guerrero, servido às suas seleções, o timão entrou em campo com Romarinho e Emerson de titulares. Já os colorados lamentavam as ausências de Jorge Henrique, machucado, e Forlán, que está com o Uruguai.

Depois de seis empates seguidos, o Inter entrou pilhado em campo e quem assustou primeiro foi o Corinthians. Passe de primeira de Romarinho para Emerson, que recebeu livre de marcação, dominou, mas preferiu bater de fora da área, pegando mal na bola e desperdiçando boa chance de gol. Em outro lance da equipe Alvinegra, Ibson recebeu cruzamento de Fábio Santos e bateu por cima.

O Inter não conseguia assustar, sentindo falta de melhor organização no meio-campo. Até que mais um lance polêmico aconteceu no duelo entre Corinthians e Internacional. Aos 23 minutos, Leandro Damião foi cabecear a bola cruzada da direita e acabou se chocando com Cássio. A bola sobrou para Fabrício, que bateu para o gol vazio, enquanto o goleiro se contorcia no chão.

O árbitro Paulo Henrique Godoi Bezerra validou o gol, mas em seguida viu que Cássio estava caído e anulou a marcação inicial, revoltando os jogadores do Inter. Durante o lance, Tite invadiu o campo para pedir a paralisação do jogo e, por isso, acabou expulso. O lance contundiu Cássio, que deu lugar a Danilo Fernandes.

A partir daí, o Inter acordou mas pouco atacou e assim a partida seguiu equilibrada, corrido, mas sem chances claras de gol.

Segundo tempo

Jogadores do Inter reclamam com árbitro depois da anulação do gol de Fabricio

Jogadores do Inter reclamam com árbitro depois da anulação do gol de Fabricio. (Foto:Divulgação/Internacional)

O Inter voltou mais ligado e marcou o gol logo aos oito minutos. D”Alessandro cobrou falta pela ponta direita em direção ao gol, com força a bola desviou em Romarinho que estava na barreira e foi direto para o ângulo.

O Corinthians não conseguiu ameaçar o Inter durante todo o segundo tempo para buscar o empate. Com apenas mais uma substituição a fazer (colocou Igor no lugar de Ibson), Tite, comandando o time a distância, não conseguiu modificar o cenário.

Com a vitória, o Internacional chega a 27 pontos, ficando a dois e uma posição abaixo do Corinthians, na sexta posição. No final de semana as duas equipes voltam a campo para a disputa da última rodada do primeiro turno. O Internacional no sábado, às 18h30m, contra a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, enquanto no domingo, o Corinthians encara o Náutico, no Pacaembu, sem Douglas e Emerson, que receberam o terceiro cartão amarelo. Além de Pato e Guerrero com suas seleções.

 

FICHA TÉCNICA:

INTERNACIONAL 1 X 0 CORINTHIANS

Internacional – Alisson; Gabriel, Índio, Juan e Fabrício; Ygor, Willians, D”Alessandro e Otávio (Caio); Scocco (Josimar) e Leandro Damião (Alex). Técnico –Dunga.

Corinthians – Cássio (Danilo Fernandes); Edenílson, Gil, Paulo André e Fábio Santos (Alessandro); Ralf, Ibson (Igor), Danilo e Douglas; Romarinho e Emerson. Técnico – Tite.

Gol – D”Alessandro, aos 8 minutos do segundo tempo.

Árbitro – Paulo Henrique Godoi Bezerra (SC).

Cartões Amarelos – Scocco, D”Alessandro, Emerson e Douglas.

Cartões Vermelhos –

Local- Estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS).