ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Corinthians empata no Maracanã e perde os 100%

Guerrero perde gol incrível e empate sendo o resultado mais justo diante do Fluminense.

Por Vladimir da Costa

Jogando pela primeira vez no Maracanã pelo brasileiro 2015 o Corinthians não conseguiu manter os 100% da competição. Numa partida fraca tecnicamente, com boas chances de gols, perdidas pelos dois lados, o duelo entre alvinegro e tricolores, ficou no zero.

Fred lamenta as chances desperdiçadas pela sua equipe. (Foto: Dhavid Normando / Futura Press)

Fred lamenta as chances desperdiçadas pela sua equipe. (Foto: Dhavid Normando / Futura Press)

Num primeiro tempo No primeiro tempo, a equipe de Tite até teve mais posse de bola, mas o Fluminense criou duas boas chances e por pouco não abriu o placar. Os donos da casa arriscaram mais, pressionaram, mas não conseguiram abrir o placar. O segundo tempo, a grande chance foi de Guerrero, que sozinho, conseguiu fazer o mais difícil, sem goleiro, recebeu a bola de Petrus e de canela, mandou a bola pra fora.

Com sete pontos, o Corinthians segue nas primeiras colocações, dividindo a primeira colocação com o Goiás, já o Fluminense ficou um pouco mais distante, com quatro. Na próxima rodada, as equipes terão clássicos regionais. Em casa o Corinthians recebe o Palmeiras na Arena e no mesmo Maracanã, o Fluminense pega o Flamengo, com as duas partidas começando às 16h do domingo.

A partida

Os primeiros 45 minutos, ninguém conseguiu criar boas chances para marcar. O primeiro a chegar com perigo foi o Fluminense, com Giovanni, que cruzou da esquerda, Ralf cortou errado e, na sobra, Gerson chutou de dentro da área, mas Cássio fez boa defesa.

Em seguida, no contra-ataque, Gerson cruzou para a área, a bola passou por Jadson, e Jean furou a finalização. O mesmo Jean chutou de longe no lance seguinte, e Cássio fez grande defesa. No rebote, Vinícius ficou com a bola dentro da área e bateu cruzado, na trave.

Os tricolores chegavam, mas não conseguiam manter a calma na hora da finalização. Os times apresentavam falhas parecidas, e insistiam em cruzamentos sem direção em vez de lances trabalhados

Guerrero teve a bola do jogo, mas perdeu gol incrível. (JORGE RODRIGUES/GAZETA PRESS)

Guerrero teve a bola do jogo, mas perdeu gol incrível. (Foto: Jorge Rodrigues/GAZETA PRESS)

O segundo tempo começou disputados, com as duas equipes chegando com perigo ao ataque. A primeira chance foi para os donos da casa. Aos sete minutos, Gerson arriscou de fora da área, e Cássio fez grande defesa. No rebote, a bola bateu em Edu Dracena sobrando para Fred. O árbitro não marcou impedimento, o atacante chutou de frente para o gol, e Cássio fez nova intervenção.

O tricolor carioca ficava mais com a bola, era mais incisivo no ataque, enquanto o Corinthians tinha dificuldades para manter a bola à frente, mesmo jogando como meio campo com três volantes.

O Corinthians pouco chegava, muito mais na base da força e numa dessas chegadas, perdeu um gol incrível. Saída de bola errada do tricolor e Petros foi esperto e roubou a bola de Gum. O volante rolou a bola limpa para Guerrero. Sem goleiro, sem marcação, o peruano bate de primeira da entrada da área e perdeu o gol feito, para desespero de toda a equipe.

 O jogo ficou equilibrado. E o Corinthians passou a atacar mais. Aos 27 minutos, em boa trama no ataque, a bola chegou em Petrus, mas o jogador preferiu driblar e acabou perdendo a bola. No minuto seguinte, Jadson arriscou de longe e quase marcou um belo gol. Cavalieri fez ótima defesa.

Nos últimos 15 minutos a partida ficou mais aberto, mas com poucas finalizações. O alvinegro arriscava pelo meio enquanto o tricolor pelas laterais, ambas sem sucesso. Os treinadores mexeram em suas equipes, buscaram alternativas, mas sem sucesso, o empate, foi merecido, apesar das chances claras criadas pelas duas equipes.