ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Corinthians ja está na Bolivia para encarar o San José

Com cerca de 3.700 metros acima do nível do mar, Oruro recebe a estreia do atual campeão da Libertadores

Por Eduardo do Carmo

Corinthians já está na Bolivia para a estreia na libertadores (Foto: agenciacorinthians)

Após título inédito no ano passado, o Corinthians inicia nesta quarta-feira, às 22h (de Brasília), a sua trajetória em busca do Bi da Libertadores da América. Com altitude de aproximadamente 3.700 metros, o Timão estreia contra o San José, pelo grupo 5, no estádio Jesús Bermúdez, em Oruro, na Bolívia. Será a 11ª participação do alvinegro de Parque São Jorge na competição continental.

Apesar de não ter conhecimento sobre o futebol dos bolivianos, o Corinthians sabe que terá um outro grande adversário em campo: a altitude. Por isso, a direção do clube organizou um esquema para amenizar o efeito. Além da utilização de cilindros de oxigênio, a delegação corinthiana só irá para a cidade de Oruro quatro horas antes do jogo.

– É importante sempre ter essa reserva. Quem sentir mais os efeitos, pode utilizar o cilindro. Dois minutos de inalação são suficientes para o atleta se recuperar – afirmou o preparador físico Fábio Mahseredjian.

Antes da ida para o local de estreia, o Corinthians fica concentrado em Cochabamba (2.550 metros acima do mar). O preparador físico também explicou o motivo da estadia em uma cidade mais baixa.

– O corpo demora cerca de seis, sete horas para sentir os efeitos. Por isso optamos por subir num horário bem próximo ao do jogo. Tudo para minimizar qualquer problema – explicou Mahseredjian.

Apesar das dificuldades, o retrospecto do Timão é favorável contra times bolivianos. São quatro jogos: três vitórias e um empate. Contra o The Strongest, foram duas vitórias ainda na fase de grupos em 2003. 2 a 0 na Bolívia e 4 a 1 no Pacaembu. Em 1999, pelas oitavas de final, contra o Jorge Wilstermann, 1 a 1 fora de casa e 5 a 2 no Pacaembu.

Animado, elenco desce na pista e caminha tranquilo até o hall do aeroporto (Foto: agenciacorinthians)

O San José também tem histórico contra brasileiros na Libertadores. Em 1992, contra o São Paulo, os bolivianos perderam por 3 a 0 em casa e empataram com os tricolores por 1 a 1 no Morumbi. No mesmo ano, o Criciúma era outro brasileiro do grupo. Os catarinenses venceram os dois duelos: 5 a 0 (casa) e 2 a 1 (fora). O último confronto do San José diante de brasileiros aconteceu em 2008, em sua última participação na Libertadores. Contra o Santos, vitória por 2 a 1 na Bolívia. Na Vila Belmiro, 7 a 0 para o Peixe.

O árbitro da partida será o equatoriano Carlos Vera. Os auxiliares, também do Equador, são Christian Lescano e Byron Romero. Millonarios (COL) e Tijuana (MEX) completam o grupo do Timão.