Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557
Corinthians surpreende Internacional no Beira Rio. | QUATRO MAIORES


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Corinthians surpreende Internacional no Beira Rio.

Corinthians joga no estilo Mano Menezes, faz dois, se defende e vence colorado no RS.

Por Paulo Edson Delazari
Corintianos comemoram gol de Guerrero. (Foto: Reprodução)

Corintianos comemoram gol de Guerrero. (Foto: Reprodução)

Jogando atrás no sistema que Mano Menezes adora e sendo letal ao atacar, Corinthians marca dois no primeiro tempo, se defende e trás três pontos do Rio Grande do Sul diante do Internacional de Abel Braga. Os gols foram marcados por Guerrero e Gil. Para o time gaúcho marcou Nilmar que reestreiava no colorado.

O primeiro deles saiu logo aos três minutos do primeiro tempo, em excelente combinação pela esquerda, ultrapassagem de Fábio Santos e cruzamento para Guerrero balançar as redes. Antes de finalizar, o centroavante ainda teve tempo de dominar de cabeça em falha de Paulão e Fabrício, que não o incomodaram.

Num momento que o Inter era melhor e ameaçava por cima, o alvinegro paulista aumentou o placar em novo cruzamento, dessa vinda da direita, em cobrança de falta com perfeição de Jadson que Gil subiu sozinho para desviar nos acréscimos, aos 53 minutos.

Os donos da casa ainda diminuíram na volta do intervalo, aos 27, com Nilmar aproveitando confusão entre Gil e Cássio, mas não passaram disso. Melhor para Mano, que ganha, assim, sobrevida no cargo.

Na ida para os vestiários, o meia-atacante colorado Alex reclamou do excesso de faltas do visitantes – foram 13 contra 10 nos primeiros 45 minutos. “Começaram quebrando, fizeram gol. Depois, corremos muito. Se não capricharmos, vamos ficar sempre correndo atrás. Cometemos erros por pressa”, disse.

Gil sai para o abraço ao ampliar para o Corinthians. (Foto: Reprodução).

Gil sai para o abraço ao ampliar para o Corinthians. (Foto: Reprodução).

Mesmo com Nilmar entre os titulares, os comandados de Abel Braga não levavam perigo ao gol defendido por Cassio e apenas trocavam passes na intermediária.

Para piorar, o camisa 1 corintiano ainda se machucou em lance na área com Wellington Silva e interrompeu a partida por um longo tempo. Foram acrescidos 13 minutos ao fim da contagem regulamentar.

Ainda que timidamente, o Inter esteve próximo do empate, acertou o travessão com Aranguiz, assustou em finalização com Nilmar e reclamou pênalti em excelente jogada de Willians, punida com cartão amarelo pelo árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva suspostamente pelo volante ter tentando ludibriá-lo.

Na volta do intervalo, a chuva despencou e os donos da casa partiram com mais força para o ataque, porém, foram os paulistas que chegaram de novo em nova cobrança de falta de Jadson que Gil cabeceou para as redes. O zagueiro foi flagrado em posição de impedimento. A equipe colorada insistia no chuveirinho e, enfim, foi recompensada aos 27 minutos, em confusão entre Cassio e Gil na defesa alvinegra que Nilmar aproveitou para diminuir a vantagem.

O time alvinegro deixa o Beira Rio lamentando as suspensões de Guerrero, Cássio e Fagner por terceiro cartão amarelo – eles não enfrentarão o Vitória na próxima quarta-feira, na Arena Pantanal, às 19h30 (de Brasília).

Com o resultado, o Inter foi ultrapassado pelo São Paulo e ocupa agora o terceiro lugar na tabela, com 50 pontos, enquanto o Corinthians volta a se aproximar e assume a quinta posição, com 49 pontos.

Ficha técnica: Internacional 1 x 2 Corinthians

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 19 de outubro de 2014, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas Silva (Asp. Fifa-PA)
Assistentes: Kleber Lúcio Gil (Fifa-SC) e Carlos Berkenbrock (Esp.-SC)
Cartões amarelos: Willians, Ernando, Paulão, Fabrício e Alex (Internacional); Elias, Guerrero, Fagner, Petros e Cássio (Corinthians)
GOLS:
INTERNACIONAL: Nilmar, aos 27 minutos do segundo tempo
CORINTHIANS: Guerrero, aos três, e Gil, aos 53 minutos do primeiro tempo

INTERNACIONAL: Alisson; Wellington Silva (Wellington Paulista), Paulão, Ernando e Fabrício; Willians (Jorge Henrique), Aránguiz, Alex, D’Alessandro e Alan Patrick (Valdívia); Nilmar
Técnico: Abel Braga

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Anderson Martins e Fábio Santos; Bruno Henrique (Guilherme Andrade), Elias, Petros e Jadson (Lodeiro); Renato Augusto (Danilo) e Guerrero
Técnico: Mano Menezes

xhamster