ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Corinthians volta a jogar bem e vence Atlético

Com boa atuação de Guerrero o timão abriu boa vantagem na Copa do Brasil e pode até perder na partida de volta.

Por Vladimir da Costa

Depois de algumas partidas abaixo da média e de duras reclamações de seus torcedores, que lotaram a Arena Corinthians, o alvinegro parece ter acatado com as críticas e fez uma ótima partida diante do bom Atlético-MG.

Guerrero abraça Renato Augusto depois e abrir o placar contra o Atlético. (Foto: Wagner Carmo/VIPCOMM)

Guerrero abraça Renato Augusto depois e abrir o placar contra o Atlético. (Foto: Wagner Carmo/VIPCOMM)

Paolo Guerrero foi o destaque da equipe. Normalmente isolado a frente, foi o destaque da partida desta quarta-feira. O peruano marcou o primeiro gol da vitória do Corinthians e deu assistência para Luciano, depois de empurrar um marcador, fechar o placar por 2 a 0 sobre os mineiros pelas quartas de final da Copa do Brasil. Uma ótima vantagem para o time paulista.

Corinthians e Atlético-MG voltam a duelar por uma vaga nas semifinais do mata mata no dia 15, em confronto que será disputado no Mineirão, às 22h. Pelo Campeonato Brasileiro, as duas equipes entram em campo no próximo sábado: às 16h20, o Timão recebe o Sport, novamente em casa, enquanto o Galo vai à Santa Catarina enfrentar o Criciúma, no estádio Heriberto Hulse, às 21h.

A partida

Com um meio de campo fortalecido com Bruno Henrique, Petros e Elias, Mano Menezes apostou na atuação de Renato Augusto mais centralizado a equipe entrou disposta a reverter a imagem das duas últimas apresentações. E para isso, contou com o apoio massiço da fiel que lotou o estádio para apoiar a equipe.

Mesmo assim, quem assustou pela primeira vez foi o Atlético. Depois de jogada pela direita de Tardelli, a bola sobrou para Guilherme dentro da área. O atacante dominou e tocou na saída de Cássio, mas Gil conseguiu desviar em cima da linha para evitar o gol dos visitantes.

Principal referência do setor ofensivo corintiano, Guerrero colocou seu nome ainda mais na história do Timão aos 24 minutos. Depois de cruzamento de Renato Augusto da direita, o peruano ganhou disputa pelo alto e cabeceou com estilo para fazer 1 a 0. O peruano chegou ao 36º gol com a camisa do Corinthians. Um a mais que Ronaldo.

A frente no placar, fez com que o Corinthians voltasse com uma postura mais cautelosa para a segunda etapa. Assim o time marcava na intermediária, neutralizando a velocidade dos atacantes adversários. Organizando o meio campo para apostar nos contra-ataques. Com mais qualidade na frente, o Atlético-MG procurou pressionar a saída de bola e avançar a marcação, mas esbarrou nos erros de passe do seu setor de criação.

O forte ataque do galo foi neutralizado nesta quarta-feira pelo timão. (Foto: Wagner Carmo/VIPCOMM)

O forte ataque do galo foi neutralizado nesta quarta-feira pelo timão. (Foto: Wagner Carmo/VIPCOMM)

Pela direita, Marcos Rocha arrancou em jogada individual e deixou Diego Tardelli na cara do gol, aos 23 minutos. O atacante vacilou na finalização e mandou por cima, desperdiçando uma boa oportunidade de empate. Mas a melhor chance de empate aconteceu dez minutos depois. Após ótimo lançamento de Guilherme, Dátolo apareceu nas costas da defesa corintiana e completou de primeira. Cássio pulou no canto esquerdo e não achou nada, calmamente a bola acertou a trave antes de sair em linha de fundo.

Quando o Atlético-MG parecia chegar ao empate, acabou levando o segundo. Após cobrança de falta de Bruno Henrique, Guerrero ganhou disputa com o goleiro do Galo pelo alto e desviou para o meio da grande área, onde Luciano, sozinho e após empurrão no adversário, só teve trabalho de completar para o gol e fechar a vitória paulista em 2 a 0.