ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Croácia goleia e segue na briga por uma vaga nas oitavas

Mandzukic e cia atropelam a fraca seleção de Camarões que deu adeus ao mundial.

Por Vladimir da Costa

Depois de ter ficado fora da primeira partida, Mario Mandzukic fez dois gols na vitória sobre os africanos de Camarões. (Foto: AP Photo/Martin Mejia)

Depois de ter ficado fora da primeira partida, Mario Mandzukic fez dois gols na vitória sobre os africanos de Camarões. (Foto: AP Photo/Martin Mejia)

Diante de uma seleção, talvez a que mais fez pouco caso em participar da Copa do Mundo no Brasil, não pelo país sede, mas por se importar mais com o “bicho” do que com o prazer de dar alegria para seu povo, independentemente do resultado, o resultado da partida não poderia ser outro. Ainda mais com um homem a menos durante boa parte do jogo. Dito isso, a Croácia não teve dificuldade alguma para atropelar Camarões por 4 a 0 na Arena Amazônia, em Manaus. Uma expulsão infantil no final do primeiro tempo deixou a seleção camaronesa em situação muito difícil na partida e facilitou o trabalho dos europeus. Diferente da falta de vontade dos africanos, Mario Mandzukic, autor de dois gols na partida esbanjou vontade e talento. Agora, os croatas jogarão contra o México ainda com chances de classificação.

O resultado foi ótimo para o Brasil, que além de precisar apenas de um empate para se classificar, já sabe que pegará um adversário apático, sem motivação. Resta saber agora, quem será o outro classificado do grupo.

A Croácia só depende de si para se classificar e vai decidir uma das vagas às oitavas contra o México na próxima segunda-feira, às 17 horas (de Brasília), na Arena Pernambuco, em Recife. Já o duelo entre Brasil e Camarões, no mesmo dia e horário, mas no Mané Garrincha.

A partida

Muito mais ativa na partida, a Croácia abriu o placar logo no começo, em seu primeiro ataque, e isso foi o suficiente para deter o ímpeto inicial dos camaroneses, que tinham começado mais presentes no campo de ataque. Mandzukic recebeu perto da meta adversária e dominou com o peito para Perisic, que mandou rasteiro para Olic abrir o placar. Com a vantagem no placar, os croatas recuaram a marcação e adotaram uma estratégia que foi capaz de neutralizar as tentativas africanas.

Aos 39 minutos, após a zaga de Camarões bater cabeça e gerar um contra-ataque para a Croácia, Mandzukic levou um soco nas costas de um descontrolado Song enquanto corria. Vermelho direto para o camisa 6. A situação se complicou para os Leões Indomáveis, que passaram a arriscar chutes de longa distância, todos sem direção.

O que já parecia complicado, ficou impossível no começo do segundo tempo. Aos dois minutos do segundo tempo, Perisic ajeitou na frente tiro de meta errado do goleiro camaronês e partiu em disparada, ganhou na corrida de Nounkeu e bateu na saída de Itandje para ampliar o placar. Na sequência, quase o terceiro. Mandzukic perdeu gol feito cara a cara com o goleiro ao bater errado na bola.

Aos 16 minutos, o atacante do Bayern de Munique cabeceou com firmeza e ampliou o marcador, após cobrança de escanteio. Do banco de reservas, Eto’o mostrava um semblante triste e de impotência.

Ivan Perisic (dir.) comemora o terceiro gol sofre a fraca seleções de Camarões, em Manaus. (Foto: AP Photo/Marcio Jose Sanchez)

Ivan Perisic (dir.) comemora o terceiro gol sofre a fraca seleções de Camarões, em Manaus. (Foto: AP Photo/Marcio Jose Sanchez)

Vendo e que cabia mais, mesmo sob o forte calor de Manaus, a Croácia demonstrava bom preparo físico e seguia em cima. Aos 27 minutos, Mandzukic fez o quarto, o segundo dele no jogo, após rebatida do goleiro em chute do brasileiro naturalizado croata Eduardo da Silva.

Perto do fim, o semblante entre as equipes era evidente. Total melancolia de um e satisfação do outro. Quase que não acaba pior. Depois de uma jogada errada no ataque de Camarões, dois atletas trocaram tapas dentro de campo. Confirmando uma eliminação melancólica.

Diferente do outro lado, com a goleada, a moral foi elevada junto com a confiança para encarar o México, na partida final da primeira fase.

CAMARÕES 0 X 4 CROÁCIA

Camarões: Itandje, Mbia, Chedjou (Nounkeu), N’koulou e Assou-Ekotto; Matip, Song e Enoh; Moukandjo, Aboubakar (Webo) e Choupo-Moting. Técnico: Volker Finke

Croácia: Pletikosa, Srna, Corluka, Lovren e Pranjic; Modric, Rakitic, Perisic (Rebic), Sammir (Kovacic) e Olic (Eduardo dos Santos); Mandzukic. Técnico: Niko Kovac

 Data: 18/06/2014 – 19h

Local: Arena da Amazônia (Manaus)

Árbitro: Pedro Proença (POR)

Auxiliares: Bertino Miranda (POR) e José Trigo (POR)

Cartões amarelos: Srna e Eduardo dos Santos (Croácia)

Cartões vermelhos: Song (Camarões)

Gols: Olic, aos 11min do 1º tempo, Perisic, aos 3min, Mandzukic aos 16min e aos 27min do 2º tempo