ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Derrota tira a liderança e os 100% do Verdão na Série B

Em tarde infeliz dos atacantes, Palmeiras desperdiça muitas oportunidades e cai diante do Coelho

Por Anderson Marinho

Caio lamenta uma das chances desperdiçadas. Foto: Marcelo Pereira_Terra

Caio lamenta uma das chances desperdiçadas. Foto: Marcelo Pereira_Terra

Jogando no estádio Novelli Junior, em Itu, o Palmeiras sofreu a sua primeira derrota nesta edição da Série B do Campeonato Brasileiro, diante do América-MG por 1 a 0,  em partida válida  pala terceira rodada e deixou escapar a liderança da competição. O clube mineiro conquistou a sua primeira vitória e deixou a zona de rebaixamento.

Com o resultado o Palmeiras ocupa provisoriamente a quarta colocação, com seis pontos ganhos, atrás de Figueirense (9 pontos) e Avaí e Joinvile (com 7 pontos cada), mas pode ser ultrapassado pela Chapecoense, com quatro pontos,  que enfrenta o São Caetano ainda hoje, às 21h00, em São Caetano do Sul. O América-MG agora é 12º colocado com três pontos ganhos.

O jogo

O Palmeiras manteve o controle da partida nos momentos iniciais, mas sentiu a falta de um homem de referência e não conseguiu transformar o volume de jogo em gols, e em uma bobeira de marcação foi surpreendido pelo Coelho.

Aos 37 minutos, em cobrança rápida de lateral pela esquerda, Danilo acionou Rodriguinho, o meia avançou com liberdade e deu bela assistência para Nikão, no bico da grande área, e o atacante bateu cruzado para abrir o placar.

Leandro ainda teve oportunidade para empatar, aos 45 minutos, mas o chute saiu pela linha de fundo.

Muito criticado pela torcida palmeirense o goleiro Bruno saiu de campo reclamando da cobrança e questionando aos repórteres se sempre que o Palmeiras toma um gol a culpa e sua.

Wesley teve mais uma atuação apagada em Itu. Foto: Marcelo Pereira / Terra

Wesley teve mais uma atuação apagada em Itu. Foto: Marcelo Pereira / Terra

Etapa complementar 

Na volta do intervalo o técnico Gilson Kleina promoveu a entrada do centroavante Caio na vaga do apagado Wesley.

Com três atacantes o Palmeiras pressionou o América-MG no segundo tempo, mas Caio não estava em uma jornada feliz e desperdiçou pelo menos três oportunidades claras para empatar o duelo.

Logo com um minuto de bola rolando o atacante recebeu bom passe de Ayrton, driblou o goleiro Matheus e chutou cruzado, a bola passou rente a linha do gol, mas saiu pela linha de fundo.

Seis minutos depois, Márcio Araújo arriscou o chute de fora da área, a bola bateu na zaga e sobrou para Caio, cara a cara com arqueiro americano, mas ele chutou para fora, desperdiçando uma grande oportunidade.

Com o resultado favorável o América-MG se fechou e passou a apostar nos contra-ataques, dificultando o jogo do alviverde.

Aos 20 minutos Kleina sacou Vinicius e Tiago Real para as entradas de Maikon Leite e Ronny respectivamente.

Caio teve mais uma oportunidade clara, aos 23 minutos, após cruzamento de Ayrton pela direita, o atacante apareceu livre de marcação, mas cabeceou para fora.

Matheus ainda fez duas defesas difíceis para o time mineiro, aos 30 depois de boa enfiada de bola de Leandro para Maikon Leite e aos 36, após cabeçada de Caio que explodiu na costas do zagueiro e quase entrou no cantinho.

O América por pouco não ampliou a vantagem, aos 37 minutos, em boa jogada de Nikão, o atacante avançou em velocidade, invadiu a área e chutou firme para boa defesa de Bruno que evitou o segundo gol.

Jogadores do América-MG comemoram a vitória. Foto: Filipe Araújo / Agência Estado

Jogadores do América-MG comemoram a vitória. Foto: Filipe Araújo / Agência Estado

O Palmeiras voltou a sentir a carência em seu setor ofensivo, o mais fraco da equipe,  deixou escapar os 100% de aproveitamento e ainda pode terminar a rodada fora do G4.

O verdão volta à campo agora na próxima terça-feira, às 19h30, mais uma vez no estádio Novelli Junior, para encarar o Avaí pela quarta rodada da competição. Também na terça-feira, às 21h50, o América-MG vai à Juazeiro do Norte, no Ceará, enfrentar o Icasa.