ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Dilúvio e vitória do Corinthians no Pacaembu.

Timão vence Ituano após cinco jogos de jejum no Paulistão.

Por Paulo Edson

Jogadores comemoram segundo gol corinthiano . (Foto: Gazeta Press)

No retorno ao Pacaembu depois de uma série de jogos fora pelo Campeonato Paulista e da partida com portões fechados contra o Millonarios, na Copa Libertadores, os corintianos foram recompensados. Debaixo de uma tempestade a equipe da casa venceu o Ituano por 3 a 2 na 11ª rodada do Estadual.

Edenílson, Guilherme e Felipe marcaram para o Corinthians no gramado encharcado na noite deste sábado, em São Paulo, e Cleber e Luciano fizeram para os visitantes. Foi a primeira vitória do clube da Capital depois de uma série de cinco empates consecutivos Paulistão.

Nos próximos dias o corintiano terá a oportunidade de compensar o tempo longe do time com três partidas seguidas no Pacaembu. Depois do jogo com o Ituano o Alvinegro da capital enfrenta na quarta-feira, em casa, o Tijuana, por quem foi derrotado na última quarta, no México, pela Copa Libertadores. No sábado o adversário será a União Barbarense, novamente no Pacaembu, pelo Paulistão.

O Corinthians pula temporariamente para a sexta colocação do Estadual com 18 pontos. O Ituano tem apenas dez, perto da zona de rebaixamento.

O jogo

O Ituano dominou as ações nos primeiros dez minutos de jogo e levava perigo na bola aérea. As duas melhores chances do Corinthians saíram do pé de Douglas, que cobrou falta espalmada pelo goleiro Vagner e roubou bola para depois acionar Romarinho, que devolveu muito forte.

Após outra bola roubada no campo de ataque, dessa vez por Emerson, o próprio Sheik chutou forte da entrada da área e aos 14 minutos criou a melhor jogada da partida até então. Vagner mandou para escanteio.

Saiu dos pés de Emerson o cruzamento da esquerda para o gol de Edenílson três minutos depois. O lateral direito dominou com espaço e chutou forte, rasteiro, no canto direito do goleiro do Ituano. Na perigosa bola parada o time visitante empatou. Fernando Gabriel cobrou escanteio aos 23 minutos, e o zagueiro Cleber cabeceou para a rede.

O Corinthians voltou à frente em um ‘petardo’ do volante Guilherme em cobrança de falta aos 33 minutos. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar. E o Ituano empatou aos 36 em mais uma bola alçada na área. A linha de impedimento corintiana falhou, e Luciano recebeu livre do lado esquerdo. Ele tocou com categoria no canto de Danilo Fernandes.

Alexandre Pato entrou no jogo aos 17 minutos e logo de cara esteve perto de fazer o seu. Chicão lançou, o zagueiro Cleber escorregou, mas Pato não dominou a bola com a usual perfeição. O goleiro do Ituano chegou nos pés do atacante e impediu o gol.

Depois de um intervalo de ‘apagão’ corintiano, Pato sofreu o pênalti duvidoso que poderia ter garantido a vitória alvinegra. Emerson cobrou, e Vagner defendeu. No lance seguinte, Felipe marcou de cabeça após escanteio aos 41 minutos.