ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Duelo de Gigantes na Vila!

O reencontro dos maiores da América

Por Vladimir da Costa

 

 

Neymar é a esperança do Santos (Foto: Ricardo Saibun / Divulgação Santos FC)

Neste domingo, mais uma página do futebol paulista será escrito, em campo estarão os dois últimos campões da Libertadores, o tricampeão Paulista e o atual campeão Brasileiro. Campeonatos e troféus que só fez crescer a rivalidade das equipes nos últimos anos. Passados dois meses depois das semifinais da Taça Libertadores, vencida pelo Timão, as duas equipes voltam a se encontrar, na Vila Belmiro, logo mais, às 16h.

De um lado, o Santos , invicto a três rodadas, que agora conta com o retorno dos seus principais jogadores. Agora com os titulares a disposição, Muricy Ramalho espera que o time continue o momento favorável para se aproximar dos lideres. Hoje, o Peixe está na 14º colocação, com 20 pontos e espera uma vitória hoje manter o bom momento da equipe.

A partida também marcará um feito particular para o técnico santista. Na partida desde domingo, Muricy Ramalho completará cem jogos no comando da equipe, se tornando o décimo treinador a completar tal feito.

E sair com uma vitória não será fácil. O adversário vive um momento de instabilidade e consistência no brasileiro. O Corinthians está invicto há nove partidas – cinco vitórias e quatro empates. Com 24 pontos, o Timão contará o retorno de Paulinho, que serviu à Seleção Brasileira no amistoso contra a Suécia e vai pro jogo. E para parar o forte meio campo Corinthiano, Muricy tem dois trunfos, que são; Neymar e Paulo Henrique Ganso na equipe, que ainda conta com os reforços de André e Patito Rodriguez. Passadas 17 rodadas, o Alvinegro Praiano é o 14º colocado com 20 pontos, e ainda sonha em retornar à Libertadores. O Corinthians está em nono, com 24.

Hoje, será a quarta partida entre Santos e Corinthians no ano. O Santos venceu o Corinthians por 1×0 no Paulista e o Corinthians deu o troco na Vila, pelo mesmo placar, no primeiro duelo da Libertadores. Na volta da competição intercontinental, no Pacaembu, empate por 1×1 e a classificação Corinthiana para a decisão.
No último treino Santista, duas mudanças na equipe, do time que enfrentou o Figueirense na quinta. O lateral-esquerdo Juan, suspenso, dará lugar a Léo. Na zaga, Durval recuperado das dores no tornozelo esquerdo volta ao time titular. O provável time que irá a campo conta com: Rafael; Bruno Peres, Bruno Rodrigo, Durval e Léo; Adriano, Arouca, Patito Rodriguez e Paulo Henrique Ganso; Neymar e André.

O “coração” do time, Danilo é presença certa no clássico (Foto: Cedoc/RAC)

Do lado Corinthiano, o técnico Tite teve maior dificuldade para montar a equipe. Somente no treino de ontem, os titulares foram definidos no CT Joaquim Grava. Guilherme Andrade fará sua estreia na lateral direita e Wallace entra na zaga e Paulinho volta ao time. No ataque, saem Adilson e Martinez para as entradas de Romarinho e Guerrero. O time que vai a campo contará com: Cássio, Guilherme Andrade, Wallace, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Douglas e Danilo; Romarinho e Guerrero.

Números

Em campeonatos brasileiros, as equipes já se enfrentaram 13 vezes na Vila Belmiro, e a vantagem é Santista, são com seis vitórias, três empates e quatro vitórias do Corinthians. Nas 10 últimas partidas entre as equipes o Timão leva a melhor, com venceu quatro vezes, contra três vitórias santistas e três empates

Nos mais de 100 anos das duas equipes, com a primeira partida sendo realizada em 1913, no Palestra Itália, com vitória do Peixe, por 6x, foram registrados 303 confrontos. Com boa vantagem do time do time do Parque São Jorge que venceu 123 vezes, contra 96 vitórias Santista e 84 empates. O Corinthians fez 557 gols, contra 472 do Santos.