ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Ficou de Bom Tamanho!

Corinthians arranca empate contra o Vice-líder no Engenhão

Por Vladimir da Costa

Em busca de um padrão de jogo sólido e consistente visando o mundial de clubes no final do ano, o Corinthians, que não tem mais grandes pretensões no brasileiro, foi ao Rio de Janeiro enfrentar o Fluminense, com objetivos bem diferente do Timão. O Tricolor carioca, vice-líder, buscou o tempo todo a vitória para não deixar o Atlético-MG escapar ainda mais na ponta do campeonato.

Uma partida disputada de forma dura, dominada pelo Fluminense sem criatividade e um Corinthians na espera do contra-ataque, que saiu na frente, mas não resistiu à pressão dos cariocas e acabou cedendo o empate no fim. Final 1×1 no Engenhão.

A Partida

Num estádio vazio, como é de costume no Engenhão, o Vice-líder Fluminense recebeu o Corinthians, que estreava seu terceiro uniforme, uma homenagem a cidade de São Paulo.

E o primeiro minuto dava a demonstração de como seria o restante da partida. Em um passe errado no meio de campo, Emerson saiu em disparada contra o gol do Flu e bateu cruzado, mas a bola passou sem perigo no gol. Dois Minutos depois, Thiago Neves bateu da entrada da área e Cássio defendeu sem dificuldades.

Os artilheiros da partida lado a lado (Foto: Dhavid Normando/Photocamera)

No ataque seguinte Carlinhos invadiu a área pela esquerda, dividindo com Alessandro, e caiu reclamando de pênalti, mas Sandro Meira Ricci mandou o jogo seguir.

O Fluminense seguia em cima do Timão, buscando o ataque o tempo todo, antes dos 15 minutos de jogo, o Tricolor Carioca já havia criado ao menos três boas chances de finalizar a gol.

O ímpeto inicial foi esfriado com a sequência de faltas que as equipes passaram a cometer.
Aos 18 minutos, Wellington Nem recebeu belo passe de cabeça do Fred e em liberdade pelo direito da área corintiana bateu cruzado, mas Cássio bem colocado fez boa defesa, salvando o Corinthians de levar o primeiro gol.

O jogo passou de corrido para pegado, com faltas e reclamações em quase todos os lances, a bola ficou presa no meio de campo. Sandro Meira Ricci teve trabalho para conter os ânimos. Até os 30 minutos de jogo, o goleiro do Flu, Diego Cavalieri não havia feito uma defesa sequer. Do outro lado, Cássio já estava com o uniforme sujo, devido as diversas saídas de gol que teve que fazer.

E o velho ditado, tarda mas não falha! Aos 37 minutos, depois de contra-ataque, Ralf dominou a bola, esperou a passagem de Emerson que bateu cruzado, a bola ainda desviou em Gum, tirando a chance de defesa do Diego Cavalieri, que continuou sem tocar na bola, mas com o placar contra. Corinthians 1×0.

Os últimos 10 minutos foram de um Fluminense tentando penetrar na defesa corinthiana de forma desorganizada, na base dos lançamentos longos e do chuveirinho o que facilitava a vida dos zagueiros, que tiravam todas. E o primeiro tempo terminou com vitória parcial do Corinthians, que deu apenas um chute a gol.

Segunda Etapa

O segundo tempo começou quente. Romarinho, de costas, tentou afastar a bola da área com um chutão, mas acabou levantando demais o pé acertando o rosto de Leandro Euzébio, depois de acertar a bola, o zagueiro caiu de dor e seus companheiros correram para o árbitro pedindo pênalti. Sandro Meira Ricci parou o jogo para o atendimento, mas não marcou a penalidade.

O Fluminense continuava em cima do Corinthians, buscando mais o jogo pelas pontas para surpreender o Alvinegro que esperava o momento certo para sair no contra-ataque.

Fred lamenta uma das chances que teve na partida (Foto: Dhavid Normando/Photocamera

No segundo tempo, o jogo caiu tecnicamente, mais lento nas tentativas de ataques e arriscando menos, o Fluminense não levava mais tanto perigo ao gol de Cássio. Fred, a principal esperança de gol do Flu, quase não tocou na bola nos 20 primeiros minutos do segundo tempo, o que diminuía as chances da equipe carioca chegar ao empate.

Com o baixo desempenho da sua equipe, Abel Braga sacou o zagueiro Gum, que já tinha amarelo e colocou o atacante Rafael Sóbis para fazer companhia para Fred e Wellington Nem.

E a mudança não demorou pra fazer efeito. O Fluminense veio pra cima do Corinthians, principalmente pelas laterais. Em um deles, Carlinhos cruzou na cabeça de Fred, que cabeceou no cantinho de Cássio, mas o goleiro corinthiano saltou para salvar o gol certo do atacante do Tricolor Carioca.
Tite resolveu mexer pela primeira vez aos 27 minutos. Emerson, que sofreu uma pancada no tornozelo no primeiro minuto de partida saiu para entrada de Edenílson.

E o Fluminense de tanto pressionar acabou empatando. Depois de mais uma jogada pela ponta esquerda, a bola sobrou para o camisa 9 que não vacilou e empatou a partida. Fred, sozinho, se antecipou ao goleiro corinthiano e marcou seu décimo gol no brasileiro, assumindo a artilharia de forma isolada.

Com o empate o Fluminense segue na cola do Atlético-MG com 43 pontos. O Corinthians permanece na 12º com 25 pontos. Na próxima Rodada o Flu vai até Florianópolis encarar o Figueirense e o Timão pega o líder do campeonato, o Atlético-MG no Pacaembu, no domingo, às 16h.