ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Ganso, a uma Olimpíadas de deixar o Santos

Ganso ganha apoio de colegas para permanecer no clube

Por Vladimir da Costa

A possível saída de Ganso do Santos a cada dia ganha novos capítulos. Depois de o presidente do Santos, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, comentar entre conselheiros que ouviu da boca do meia que ele não gostaria mais de jogar pelo Santos, fato que o próprio jogador dizer ser uma inverdade. O goleiro Rafael, que esta concentrado junto com Paulo Henrique no Rio de Janeiro, afirmou que conversou com o atleta na concentração e ouviu do jogador que pretende seguir no Clube.

Ganso treina com a seleção para a disputa do jogos (Divulgação/ Mowa Press)

– Ouvi da boca do Ganso que ele deseja continuar no Santos. Ele não quer sair. Depende de uma negociação entre o jogador e o clube. Ele é formado nas categorias de base e pegou um carinho enorme pelo clube. A família toda dele mora em Santos e ele quer ficar lá – disse Rafael.

Dos três atletas santistas que estão treinando junto com a seleção olímpica que vai tentar a inédita medalha de ouro nos Jogos de Londres. O único que parece continuar, por mais incrível que pareça é o atacante Neymar. O goleiro Rafael esta envolvido em uma negociação com o Milan, que quer o goleiro, em troca, liberariam o atacante Robinho. Negociação que agrada ambas as diretorias, já que Robinho nunca escondeu o desejo de retornar ao Santos e para o goleiro será uma oportunidade de se firmar como um dos maiores goleiros do mundo, caso se transfira para ser titular no Milan.

No caso de Paulo Henrique, um dos principais atletas do elenco, a situação é mais delicada. A pouco mais de 2 anos, jogador e diretoria travam uma batalha para conseguirem uma renovação contratual que agrade a ambos. Como nenhum dos lados cedeu, o destino do atleta, deve ser mesmo outro clube, depois da disputa das Olimpíadas de Londres. A troca de farpas a cada coletiva ou reunião entre empresários, gera mal estar entre as partes. O presidente já declarou que desistiu de continuar as negociações de renovação e o atleta segue na dele, falando pouco e ouvindo seu staff para buscar o melhor pra sua carreira.

Um possível destino de Ganso pode estar dentro do território nacional, o Inter de Porto Alegre é o clube mais cotado para ficar com o atleta. O que emperra a transferência é a multa rescisória para times nacionais de R$ 53 milhões (R$ 23,8 milhões para o time da Vila Belmiro). O Santos detém 45% dos diretos do atleta.

Dirigentes santistas não viam com bons olhos a saída do meia para outro clube do futebol nacional, mas depois de meses de desgastes com a renovação contratual que não ocorreu, o Santos não colocará mais empecilhos para que o atleta jogue onde quiser. Desde que, a multa seja paga integralmente ao clube, para que depois, ela repasse ao grupo DIS, que detém os outros 55% do atleta, os valores ao qual tem direito.