ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Ganso retorna com sede de bola e já quer jogar

Após Olimpíadas, Ganso volta a São Paulo e está a disposição do Peixe.

Por Paulo Edson Delazari

Ganso no desembarque em São Paulo (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

Foram quase dois meses, mas ele está de volta. Após lesão, convocação e frustração o meia atacante Ganso quer retornar ao Peixe e esquecer os maus momentos, para isso logo que pisou em solo paulista já se colocou a disposição do técnico Muryci Ramalho para jogar quinta-feira pela 17º rodada do Brasileirão, contra o Figueirense.

Centro de polêmicas na história fica não fica, renova não renova com o atual Presidente do Santos Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, Ganso chegou a afirmar que não jogaria mais pelo Santos, porém não foram essas as palavras que foram ditas pelo craque ao chegar a São Paulo.

– Eu estou me sentindo super bem, tranquilo e pronto para jogar. Se o Muricy precisar, estarei presente na quinta, contra o Figueirense. Já falei que ele pode ficar tranquilo. Estou voltando para ajudar o Santos e melhorar ainda mais o time para retornarmos à ponta do Brasileirão – afirmou o meia.

Ganso que estava com o grupo Olímpico foi dispensado pelo técnico Mano Menezes e não disputará o amistoso desta quarta contra a Suécia em Estocolmo. Enquanto esteve na seleção Olímpica Ganso jogou apenas 44 minutos de partida, o resultado final já sabemos, a Seleção ficou com a medalha de prata após perder a final para o México, no último sábado.

Depois do jogo, Mano Menezes anunciou o corte de Ganso por “motivos técnicos”. Contudo as palavras do jogador desmentem o ocorrido e o que pode ter gerado o corte seria a insatisfação do meia atacante de ter ficado fora da equipe titular. Coim a falta de oportunidade, o jogador demonstrou decepção, mas falou pouco.

– Fico chateado, porque a gente sempre quer jogar mais. É triste ter a medalha de ouro nas mãos e não conseguir ficar com ela – resumiu.