ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Gol contra de Ralf e Timão perde para o Náutico

Nos Aflitos, Timbu sai na frente com Kieza, Guerrero iguala, mas Ralf – contra – define a derrota

Por Eduardo do Carmo

destaque da partida, Kieza marcou e ajudou o Náutico diante do Timão (Foto: Aldo Carneiro/ Gazeta Press)

Em busca da sonhada zona de segurança estipulada pela direção técnica, o Corinthians visitou o Náutico, no Estádio dos Aflitos, neste sábado, em Recife, pela 28ª rodada do Brasileirão. O alvinegro paulista largou atrás, chegou ao empate, mas saiu derrotado com gol contra de Ralf no final. O placar desfavorável de 2 a 1 deixa o Timão com os mesmos 39 pontos, ainda há seis do estabelecido por Tite.

De olho no Mundial Interclubes, o Corinthians espera chegar aos 45 pontos para iniciar o planejamento para a competição internacional. Com a derrota nesta partida, o alvinegro de Parque São Jorge continua na oitava colocação. Na próxima rodada, o Timão recebe o Flamengo, no Pacaembu, quarta-feira, às 22h.

O Náutico, por sua vez, com a vitória, encostou-se ao Timão, na nona colocação, com 37 pontos. O próximo duelo do time pernambucano será contra a Ponte Preta, em Campinas, na quarta-feira, às 19h30.

Kieza abre o placar, mas Guerrero empata ainda na etapa inicial

A partida truncada no início teve o primeiro lance de perigo, aos 6 minutos, a favor do Corinthians. Pelo lado esquerdo, Douglas cobrou falta e Paulinho desviou de cabeça para defesa de Felipe.

O Náutico chegou aos 12 minutos e assustou com Martinez. O volante aproveitou sobra na entrada da área e soltou uma bomba, que foi rebatida por Cássio. No rebote, o próprio Martinez arrematou para fora. Aos 20, Kieza recebeu passe de Souza e mandou fraco nas mãos de Cássio.

O troco do Timão veio aos 22 minutos, quando Douglas recebeu pela direita, girou e chutou próximo à trave direita do goleiro Felipe. No momento em que o Corinthians equilibrava as ações, o Náutico abriu o placar com Kieza, aos 30 minutos. O atacante dominou o longo lançamento de Jean Rolt, fintou Fábio Santos perto da pequena área e colocou entre as pernas de Cássio.

No final do primeiro tempo, aos 44, Paolo Guerrero deixou tudo igual. No lance, Martínez tentou jogada individual, mas foi desarmado. Na sobra, Paulinho tentou o domínio, porém a bola sobrou para o peruano, que de bico, mandou para o fundo das redes.

Infelicidade de Ralf gera derrota alvinegra

Gol contra do volante Ralf definiu vitória Timbu em Recife (Foto: Aldo Carneiro/ Gazeta Press)

O Corinthians, embalado pelo gol da igualdade, voltou ao segundo tempo assustando os donos da casa. Aos 4 minutos, Guerrero dominou a bola na área, mas a mandou por cima do gol.

Aos 5, o Náutico chegou com Kieza, que mandou mais uma vez a bola para as redes de Cássio. Nesta oportunidade, porém, o atacante estava impedido e o gol não foi validado. Aos 15, Martinez fez boa jogada nas proximidades da área, mas finalizou para fora.

A equipe da casa tinha em Kieza a grande esperança de chegar à vitória, e aos 25, o número 9 do Timbu recebeu sozinho e dividiu com Cássio. A bola subiu e foi em direção ao gol, mas Wallace salvou quase em cima da linha.

O gol da vitória dos pernambucanos aconteceu aos 39 minutos. Rogério avançou pela direita e cruzou. O volante Ralf tentou cortar, mas colocou contra o próprio gol.