ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Málaga e Borussia Dortmund passam em branco.

Goleiros de Málaga e Borussia se destacam e jogo de ida das quartas da Champions termina zerado.

Por Eduardo do Carmo

O zagueiro brasileiro Felipe Santana (Dortmund) na marcação de Joaquín (Foto: AP)

As duas maiores surpresas da atual edição da Liga dos Campeões se enfrentaram pelas quartas de final, nesta quarta-feira, no estádio La Rosaleda, na Espanha. Com boa atuação dos goleiros, o placar do jogo de ida entre Málaga e Borussia Dortmund não saiu do 0 a 0.

O Borussia Dortmund segue como único invicto na competição e precisa de uma vitória simples no segundo confronto para garantir a vaga. Ao Málaga, qualquer empate com gols já é o suficiente para a classificação. Um novo 0 a 0 leva o duelo para a prorrogação. A partida de volta acontece na próxima terça-feira, dia 9, às 15h45, no Signal Iduna Park, em Dortmund, na Alemanha.

O Málaga teve mais posse de bola na etapa inicial, porém o Dortmund criou mais oportunidades. O goleiro Caballero salvou o time espanhol em todos os arremates. Os alemães utilizavam a característica velocidade com Mario Götze e Marco Reus pelas pontas, além do centroavante Lewandowski.

Na etapa final, a velocidade caiu e o Málaga continuou com o domínio da bola. Se Caballero livrou o time da Espanha no primeiro tempo, Weidenfeller fez uma defesa importante no segundo para garantir o resultado de igualdade.

O jogo

Aos 6 minutos, Saviola recebeu pela direita, ajeitou para o pé esquerdo, mas finalizou para fora. O Borussia chegou ao campo de ataque aos 14, quando Caballero fez a primeira grande intervenção. Mario Götze aproveitou vacilo do Málaga e saiu cara a cara com o arqueiro, que realizou a defesa. Quatro minutos mais tarde, Gündogan deixou Götze em boa situação, mas Caballero apareceu bem novamente. Aos 24, em rebote do arqueiro, Grosskreutz balançou a rede para o time alemão, porém em condição irregular. O árbitro anulou o gol do time de Dortmund corretamente.

O Borussia não cansava de desperdiçar chances. Aos 25, boa triangulação no lado esquerdo do ataque, mas Reus falhou na hora da finalização. Aos 31, Weligton fez falta perigosa em Lewandowski e levou o amarelo. Na cobrança, Reus soltou uma bomba e quase abriu o marcador.

Reus lamenta um dos ataques perdidos pelo Borussia Dortmund no La Rosaleda (Foto: EFE)

O toque de bola do Málaga era constante, mas a equipe da casa não conseguia criar as suas oportunidades. Em um dos poucos lances de perigo, aos 42, Toulalan desviou de cabeça, após escanteio, e Weidenfeller espalmou. Na sobra, o próprio Toulalan tentou, mas Götze tirou em cima da linha. No último lance da etapa inicial, Kehl recebeu de Lewandowski e chutou de longe para nova defesa de Caballero.

Na volta do intervalo, a intensidade não foi a mesma. Nos minutos iniciais, os visitantes até ensaiaram uma pressão. Aos 2 minutos, Götze avançou bem pela esquerda e cruzou. A zaga do Málaga tentou afastar, mas a bola sobrou limpa para Lewandowski, que chutou torto. Aos 18, em tabela entre Götze e Gündogan, o time de Dortmund chegou bem, mas pecou no último toque.

Aos 20, no lance mais agudo do Málaga em todo o jogo, Isco acertou uma bomba a queima roupa, mas Weidenfeller pulou e salvou o Dortmund da derrota. A partir daí, pouca movimentação das duas equipes e placar zerado.