ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Oh Trem Bom! Mineirão quase pronto!

Contagem regressiva para que o primeiro estádio da Copa de 2014 seja entregue.

Por Paulo Edson Delazari

Mineirão está pronto para recber o gramado (Foto: Tarciso Badaró / Globoesporte.com)

Um dos estádios escolhidos para ser o palco da Copa do Mundo de 2014 e da Copa das Confederações em 2013, começa a tomar a cara de estádio e para caracterizar definitivamente este aspecto o gramado será colocado em breve no Mineirão em Belo Horizonte.

Os mineiros podem se orgulhar, o polêmico Gerome Valcke esteve nesta terça-feira e elogiou o estádio na visita que fez ao Brasil em Agosto deste ano e disse que os demais estados deveriam ter como exemplo a obra do Estádio mineiro. A previsão de entrega da Obra é 14 de Dezembro e todos esperam ansiosos pela chegada deste grande dia. Ainda não foi definido que jogo será feita para estrear e testar esta estrutura, mas os Mineiros, gostariam que fosse o Clássico regional entre Atlético Mineiro x Cruzeiro.

A partir de hoje faltam 600 dias para a abertura Copa do Mundo no Brasil. E o Mineirão, um dos principais palcos do evento, está pronto para receber seu tapete verde, o gramado. A menos de 60 dias do prazo de entrega do estádio, as obras chegam a 84% de conclusão, e a expectativa do momento é pela chegada da ‘Bermuda Celebration’, uma espécie de grama que segundo os estudiosos é adequada ao clima da cidade.

Comitiva da Fifa durante visita ao Mineirão( Foto: Divulgação Ministério dos Esportes)

– Foi feito um estudo do clima para cada estádio e sua localização geográfica. A grama que me melhor se adapta ao Mineirão é essa, a Bermuda Celebration. Ela é mais adequada ao clima de Belo Horizonte, ela é mais resistente, as estações que temos bem determinadas em BH, a Bermuda Celebration foi a escolhida por se adaptar melhor -, explicou Severiano Braga, engenheiro da Minas Arena, empresa responsável pela obra.

As atenções estão voltadas para a área que receberá o gramado. Há poucas semanas, máquinas tomavam conta de toda a parte interna do estádio. E o verdadeiro centro das atenções, o lugar onde ficarão as quatro linhas, já pode ser vislumbrado. Todo um trabalho cuidadoso já foi feito para receber o gramado.

– O Mineirão, há alguns meses, estava todo tomado por máquinas, e o nosso campo estava com outras atividades. Tiramos as maquinas todas, e ele ficou na terra. Fizemos um nivelamento da terra, fizemos a drenagem profunda, para a água ir para essa drenagem tem que fazer um colchão drenante, que é de brita. Temos duas camadas de brita. Após essa camada de brita, tem 30 centímetros de área. Na última camada de área a gente mistura uma matéria orgânica, e depois vem com a grama. São várias etapas até a cereja do bolo, que é o plantio da grama.

Diferentemente dos gramados habituais no Brasil, que são formados a partir da colocação de placas de grama, o do Mineirão utilizará uma técnica chamada spring’s. Nesse processo, é colhido apenas parte vegetativa. Não tem argila, possibilitando uma grama pura, isenta de ervas daninhas, sem possibilidade de contaminação. A grama ‘Bermuda Celebration’ foi plantada no dia quatro de abril, em terreno irrigado de uma fazenda em Lavras, no sul do estado, agora é ser transportada com cuidado devido e implantada no local dos espetáculos.