ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Palmeira vence Ponte Preta em Cuiabá.

O mando era da Macaca, mas quem jogou em casa foi o verdão.

Por Paulo Edson Delazari

De suspenso a herói Dudu marca dois e da vitória ao Palmeiras. Foto: Gazeta Press)

De suspenso a herói Dudu marca dois e da vitória ao Palmeiras. Foto: Gazeta Press)

Estádio moderno, torcida à favor e vitória. O Palmeiras parecia jogar no Allianz Parque neste domingo. Só parecia. O time, na verdade, era visitante. Isso porque a Ponte Preta vendeu o mando de campo por R$ 1 milhão, e a partida na Arena Pantanal, em Cuiabá, acabou 2 a 0 para o clube alviverde. Dudu, autor dos dois gols, e Rafael Marques, responsável pelas duas assistências.

Com a derrota, a Ponte estaciona nos 16 pontos, na 10ª colocação. Já o Palmeiras sobe para o sétimo lugar, com 18 pontos conquistados, agora a três do G-4.

Na 12ª rodada do Brasileiro, o time alviverde recebe o Avaí na próxima quarta-feira, no Allianz Parque. Enquanto a equipe campineira visita o Coritiba no mesmo dia.

O jogo

A Ponte Preta teve a primeira chance logo aos dois minutos. Cesinha cruzou, a zaga palmeirense não afastou, e Felipe Azevedo chutou à esquerda do gol de Fernando Prass.

Dudu e Rafael Marques comemoram gol. (Foto: Gazeta Press)

Dudu e Rafael Marques comemoram gol. (Foto: Gazeta Press)

Mais tarde, aos 8 minutos, o Palmeiras já tomou conta da partida e abriu o placar. Gilson afastou mal de cabeça, e a bola sobrou para Rafael Marques. O atacante cruzou na cabeça do “baixinho” Dudu, que completou no contrapé de Marcelo Lomba.

A Ponte voltou a assustar só aos 39 minutos, quando Cesinha tocou de calcanhar para Juninho, que chutou por cima do gol palmeirense.

Na sequência, porém, o time alviverde aumentou o placar. Rafael Marques tocou para o meio da área, e Dudu apareceu para chutar de primeira e fazer o segundo do Palmeiras.

Já no segundo tempo, a Ponte Preta teve a oportunidade de diminuir aos 11 minutos, mas o chute de Felipe Azevedo saiu à esquerda de Prass. O time alviverde devolveu aos 14, quando Dudu arriscou de fora da área, mas a bola foi para fora.

Aos 31 minutos, a equipe de Campinas perdeu uma chance incrível. Após tabela de Felipe Azevedo e Biro Biro, Leandrinho recebeu com o gol aberto, mas conseguiu chutar por cima, desperdiçando a melhor oportunidade da partida.

Os donos da casa voltaram a atacar aos 37. Fernando Prass saiu mal do gol e dividiu com Diego Oliveira quase fora da área. O atacante da Ponte dominou e arriscou para o gol, mas a defesa do Palmeiras conseguiu afastar de cabeça.

Já aos 40, Zé Roberto deu belo passe para Dudu, que driblou Lomba, mas finalizou para fora. O terceiro gol palmeirense quase saiu aos 44, mas a finalização de Cristaldo parou no goleiro da Ponte.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 0 X 2 PALMEIRAS

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Data: 5 de julho de 2015, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Público: 11.074 pagantes
Renda: R$ 800.370,00
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto e Alex Alexandrino (ambos de SP)
Cartões amarelos: Lucas, Victor Ramos e Dudu (Palmeiras); Cesinha, Vitor Xavier e Pablo (Ponte Preta)
Gols:
PALMEIRAS: Dudu, aos oito e aos 39 minutos do primeiro tempo

PONTE PRETA: Marcelo Lomba; Rodinei, Renato Chaves, Pablo e Gilson; Juninho, Vitor Xavier e Paulinho (Leandrinho); Felipe Azevedo, Roni (Biro Biro) e Cesinha (Diego Oliveira)
Técnico: Guto Ferreira

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Victor Ramos, Vitor Hugo e Egídio; Gabriel e Arouca; Rafael Marques (Cleiton Xavier), Robinho (Zé Roberto) e Dudu; Leandro Pereira (Cristaldo)
Técnico: Marcelo Oliveira