ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Palmeiras bate o Botafogo e está na semifinal do Paulistão

Gol de Leandro Pereira faz o gol que classificou o terceiro grande da capital para a semi.

Por Vladimir da Costa

Na partida realizada neste domingo cedo, o Palmeiras e os mais de 35 mil presentes no Allianz Parque viram um jogo duro, mas que venceu o time mais guerreiro, que manteve a calma e conseguiu aproveitar a chance que teve, que não foram poucas.

Leandro Pereira comemora o único gol da partida. (Foto: Marcello Zambrana / Agif)

Leandro Pereira comemora o único gol da partida. (Foto: Marcello Zambrana / Agif)

Pode parecer exagero, mas vencer o Botafogo por 1 a 0, com gol de Leandro Pereira e chegou a mais uma semifinal paulista. A classificação não foi apenas obrigação, foi mérito de um time muito diferente daquele visto em 2014. Mais aguerrido, o placar não justificou o volume de jogo do Palmeiras versão 2015. Com muitas contratações, de qualidade, diga-se de passagem, está passando de coadjuvante para protagonista, assim como a torcida, que tem média melhor do que do rival Corinthians e mais uma vez deu demonstração que coisas boas estão por vir.

Com a vitória, o se classificou para as semifinais do Paulistão. O adversário pode ser o Corinthians (se o Santos vencer o XV de Piracicaba à tarde) ou o São Paulo (se quem avançar for o time do interior).

Palmeiras adotou uma postura agressiva, pressionando o Botafogo eesde o início do jogo. O time comandado por Oswaldo de Oliveira controlou a maior parte do primeiro tempo, marcando a saída de bola e mantendo a posse.

A partida

Com time completo e com reforço de Claiton Xavier, o Palmeiras levou um susto no começo do jogo, quando Bruno Costa marcou, mas a arbitragem anulou, por falta de Eli Sabiá em Fernando Prass. A torcida ficou apreensivam nas logo a confiança voltou.

Tocando bem a bola, com paciência, o Verdão não deu espaço o time de Ribeirão Preto e criou algumas boas chances de gol. A mais clara foi num escanteio – a bola sobrou para Dudu, livre, na pequena área e sem goleiro, mas o atacante se atrapalhou e mandou na trave. Pouco depois, Leandro Pereira recebeu bom cruzamento da esquerda e finalizou rasteiro; dessa vez, Renan Rocha caiu e fez uma grande defesa.

A forte marcação do Palmeiras deu resultado mais uma vez e o time não levou gol na Arena. (Foto: Ricardo Nogueira/Folhapress)

A forte marcação do Palmeiras deu resultado mais uma vez e o time não levou gol na Arena. (Foto: Ricardo Nogueira/Folhapress)

Na volta do intervalo, Dudu quase marcou de cabeça. Faltaram poucos centímetros para que o camisa 7 alcançasse a bola cruzada da direita, que acabou saindo pela linha de fundo.

O Palmeiras seguia firme na partida. Com Valdivia no lugar do volante Gabriel, o Verdão pressionava – mas dava espaço para o contragolpe. Num mesmo lance, Dudu caiu na área pedindo pênalti e, na sequência, Zé Roberto quase abriu o placar para o Botafogo, aos 12 minutos.

E teve mais dois gols anulados, ambos aos 22 minutos, e um de cada lado: primeiro com Dudu, aproveitando passe de Valdivia, e depois com Diogo Campos, aproveitando cobrança de falta. Ambos bem anulados pela arbitragem.

O gol da classificação saiu aos 26 minutos. Valdívia rolou para a passagem de Lucas na direita depois de deixar Rodrigo Andrade sentado. Ele chegou cruzando rasteiro, Leandro Pereira se antecipou à defesa e desviou para o gol. Na comemoração, o atacante tomou o terceiro cartão amarelo e está fora da semifinal, assim como o zagueiro Vitor Hugo.

Valdivia foi um dos destaques do alviverde na vitória deste domingo. (Foto: Ricardo Nogueira/Folhapress)

Valdivia foi um dos destaques do alviverde na vitória deste domingo. (Foto: Ricardo Nogueira/Folhapress)

O Botafogo ainda deu um último susto, em cobrança de falta no finalzinho da partida. A bola, entretanto, foi nas mãos de Prass. O apito final soou, e o 1 a 0 foi o suficiente para garantir o lugar palmeirense nas semifinais.