ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Palmeiras conquista 1° triunfo como mandante no Allianz Parque

Vitória contra o Rio Claro também é marcada pelos primeiros gols de dois dos reforços para esta temporada

Por Anderson Marinho
Torcedores homenagearam o ídolo Marcos que está internado com dores articulares. Foto: Leonardo Benassatto / Futura Press

Torcedores homenagearam o ídolo Marcos que está internado com dores articulares. Foto: Leonardo Benassatto / Futura Press

O Palmeiras conquistou a sua primeira vitória como mandante em jogos oficiais no Allianz Parque nesta quarta-feira contra o Rio Claro, por 3 a 0, em partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Paulista 2015 com gols marcados por Cristaldo, Zé Roberto e Rafael Marques  e se recuperou das duas derrotas consecutivas contra Ponte Preta e Corinthians nas últimas rodadas.

O verdão já havia vencido dois amistosos em seu novo estádio, contra o Shandong Luneng e o Red Bull, e o duelo contra o Audax na abertura do Paulistão, mas o mando daquela partida foi do time de Osasco. Como mandante o alviverde acumulava  um empate, contra o Atlético-PR, e três derrotas, contra Sport, Ponte e Corinthians, na Arena.

Com o resultado o Palmeiras assumiu a liderança provisória do grupo 3 com seis pontos ganhos. Já o Rio Claro é o segundo colocado do grupo 2 também com seis pontos.

O jogo

Cristaldo comemora o primeiro gol do Verdão. Foto: Moisés Nascimento / Agif / Gazeta Press

Cristaldo comemora o primeiro gol do Verdão. Foto: Moisés Nascimento / Agif / Gazeta Press

O técnico palmeirense Oswaldo de Oliveira mandou o time à campo com três substituições com relação a equipe titular que foi derrotada pelo Corinthians no último final e semana. Amaral, Maikon Leite e Leandro Pereira deram lugar à Alan Patrick, Dudu e Cristaldo respectivamente.

Com a bola rolando o verdão começou o jogo tomando a iniciativa, mas encontrando muitas dificuldades para furar o bloqueio defensivo do adversário e demonstrando nervosismo para chegar ao primeiro gol.

Aos poucos as apostas do treinador foram surtindo efeito e aos 34 minutos, Alan Patrick fez linda jogada individual pela esquerda, driblou o marcador e rolou para Cristaldo, chegando de trás, bater de primeira e abrir o placar.

Zé Roberto comemora o primeiro gol com a camisa do Palmeiras. Foto: Djalma Vassão / Gazeta Press

Zé Roberto comemora o primeiro gol com a camisa do Palmeiras. Foto: Djalma Vassão / Gazeta Press

Em desvantagem no placar o Rio Claro do técnico Buião voltou do intervalo com o meia Nenê Bonilha na vaga do volante Nando Carandina, em busca do empate, e aos poucoas passou a ceder mais espaços para o alviverde.

Tecnicamente superior o Palmeiras controlou as investidas do visitante e chegou ao segundo gol aos 19 minutos, após linda troca de passes, Alan Patrick deu bela assistência para Zé Roberto invadir a área pela esquerda e tocar no canto do goleiro Richard para marcar o seu primeiro gol com a camisa do verdão.

O terceiro gol palmeirense veio aos 39 minutos, após cruzamento de Robinho pela direita, o centroavante Rafael Marques, que havia entrado na vaga de Allione, apareceu no meio da zaga para completar sem chances para o arqueiro rival, marcando também pela primeira vez pelo alviverde.

O Palmeiras volta à campo agora no próximo sábado, às 19h30, contra o São Bento, no estádio Walter Ribeiro, em Soracaba. Já o Rio Claro só volta à campo depois do carnaval para encarar a Portuguesa, na quarta-feira de cinzas, às 19h30, na Arena Barueri.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 3 X 0 RIO CLARO

Data/Horário: 11/2/2015, às 20h30
Local: Allianz Parque
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo
Assistentes: Anderson José Moraes Coelho e Fábio Rogério Baesteiro
Público/Renda: 17.528 pagantes/R$ 1.134.780,00
Cartões amarelos: Jaílson (PAL); Guaru (RCL)

GOLS: Cristaldo, aos 34’/1ºT (1-0); Zé Roberto, aos 19’/2ºT (2-0) e Rafael Marques, aos 39’/2ºT (3-0)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Tobio, Vitor Hugo e Zé Roberto; Gabriel e Robinho; Allione (Rafael Marques, aos 22’/2ºT), Alan Patrick (João Paulo, aos 29’/2ºT) e Dudu; Cristaldo (Leandro Pereira, aos 39’/2ºT). Técnico: Oswaldo de Oliveira.

RIO CLARO: Richard; Vinicius Bovi, Pitty, Gilberto (Luiz Eduardo – Intervalo) e Renan Luis; Nando Carandina (Nenê Bonilha – Intervalo), Alê, Matheus e Guaru; Paulinho (Carlinhos, aos 24’/2ºT) e Macena. Técnico: Buião.