ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Palmeiras derrota o Oeste fora de casa

Barcos faz o seu, Valdivia e Luan têm participação decisiva e verdão vence a primeira.

Por Anderson Marinho

Barcos comemora primeiro gol do Palmeiras. Foto Celio Messias / Agência Lance

Palmeiras e Oeste se enfrentaram no estádio Texeirão, em São José do Rio Preto, em jogo válido pela 2ª rodada do Campeonato Paulista 2013. Em partida marcada pelo retorno do meia Valdivia e gol de Luan, o alviverde superou o desgaste físico e a pressão do adversário no segundo tempo para conquistar o primeiro triunfo na competição por 3 x 1.

O Jogo

Com Maikon Leite entre os titulares, na vaga de Luan, e Valdivia no banco de reservas, o Palmeiras começou o jogo tomando a iniciativa, com boa movimentação dos homens de meio de campo e apostando nos chutes de fora da área do volante Souza, enquanto a equipe de Itápolis buscava espaços para o contra-ataque. 

Aos 26 minutos, após cruzamento de Ayrton, Souza dividiu com a marcação e a bola sobrou para o artilheiro Hernán Barcos, dentro da grande área, e o argentino bateu de pé esquerdo para marcar o seu primeiro gol na temporada abrindo o placar para o verdão.  Oeste 0 x 1 Palmeiras.

O Oeste tentou pressionar em busca do empate, mas aos 32 Wesley avançou pela esquerda e cruzou para Patrick Vieira, livre, completar de voleio, colocando a bola no canto esquerdo da meta de Fernando Leal, um golaço. Oeste 0 x 2 Palmeiras.

Os gols deram tranquilidade para o alviverde que manteve o controle do jogo e só foi ameaçado em lances de bola parada, sem muito perigo para a meta de Fernando Prass.

Aos 42, Maikon Leite puxou o contra-ataque e serviu o lateral Ayrton, dentro da área, que bateu de pé direito obrigando o goleiro Fernando Leal a fazer uma grande defesa.

O Palmeiras foi melhor no primeiro tempo, demonstrando uma evolução no com relação ao jogo de estréia contra o Bragantino, e construiu uma boa vantagem para a etapa final.

 

Etapa complementar

As duas equipes retornaram para o segundo tempo sem substituições.

O Oeste começou melhor, mancando o Palmeiras sob pressão, e a teve a primeira oportunidade de gol aos 6 minutos, em chute venenoso de Serginho que obrigou Fernando Prass a fazer uma excelente defesa.

Três minutos depois o técnico Luis Carlos Martins promoveu a entrada do meia Lelê na vaga do lateral esquerdo Jefferson.

“El Pirata” foi o capitão do verdão em São José do Rio Preto. Foto: Gazeta Press

Muito recuado o Palmeiras seguiu tomando pressão do adversário, que mudou novamente aos 16 minutos com a entrada de Marcinho na vaga de Jheimy.

Os torcedores palmeirenses começaram e pedir a entrada de Valdivia, e o técnico Gilson Kleina atendeu aos pedidos colocando o chileno na vaga de Patrick Vieira aos 18 minutos.

Logo em seguida o atacante Serginho recebeu boa bola pela direita, driblou Henrique e bateu forte para diminuir a vantagem do alviverde. Oeste 1 x 2 Palmeiras.

Após o gol do adversário Gilson Kleina substituiu Souza, desgastado, pelo jovem volante João Denoni.

O Palmeiras voltou a levar perigo aos 29 minutos, após boa jogada de Wesley, Ayrton recebeu com liberdade, mas bateu em cima de Fernando Leal que tirou com os pés evitando o terceiro gol do verdão.

Três minutos depois Valdivia lembrou os velhos tempos e com um lindo passe colocou Maikon Leite na cara do gol, o camisa 7 chutou por cima do travessão desperdiçando mais uma oportunidade.

Aos poucos o verdão reequilibrou o jogo e teve novas oportunidades de ampliar o marcador em chutes de fora da área do meia Valdivia e do atacante Barcos.

Aos 39 minutos o treinador palmeirense fez a terceira substituição colocando o contestado Luan, sob vaias, na vaga de Maikon Leite.  

E quando o Oeste se mandou para o ataque apostando no tudo ou nada, aos 43 minutos, após um lançamento longo, Barcos se esforçou para recuperar uma bola perdida na linha de fundo e tocou de calcanhar para Valdivia que cruzou de pé direito e Luan, ele mesmo, escorou para o fundo das redes. Oeste 1 x 3 Palmeiras.

A primeira vitória do Palmeiras no Paulistão da um pouco de esperanças ao torcedor alviverde, que viu uma equipe com uma postura diferente das últimas exibições, taticamente aplicada, com boa participação dos titulares no primeiro tempo e capacidade de se reorganizar após as substituições promovidas pelo técnico Gilson Kleina na segunda etapa quando a equipe sentiu a parte física devido a pressão imposta pelo rival.

Com o resultado o verdão chegou a 4 pontos na tabela de classificação do Campeonato Paulista, ocupando provisoriamente a segunda colocação, e agora se prepara para a partida contra o Penapolense domingo, às 17h00, no estádio do Pacaembu.

 

Ficha técnica

OESTE 1 x 3 PALMEIRAS

Gols
OESTE: Serginho, aos 19min do 2º tempo

PALMEIRAS: Barcos, aos 26min do 1º tempo; Patrick Vieira, aos 31min do 1º tempo; e Luan, aos 44min do 2º tempo

OESTE: Fernando Leal; Dedê, Dezinho, Eduardo e Ligger; Peterson, Paulo Victor, Jefferson (Lelê) e Wanderson; Hudson e Jheimy (Marcinho Beija-Flor)
Treinador: Luís Carlos Martins

PALMEIRAS: Fernando Prass; Ayrton, Henrique, Mauricio Ramos e Juninho; Márcio Araújo, Souza (João Denoni), Wesley e Patrick Vieira (Valdivia); Maikon Leite (Luan) e Barcos
Treinador: Gilson Kleina

Cartões amarelos
OESTE: Dezinho, Eduardo, Lelê
PALMEIRAS: Juninho e Maurício Ramos

Árbitro
Rodrigo Braghetto

Local
Estádio Benedito Teixeira, em São José do Rio Preto