ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Palmeiras sem Kleina vence Goiás em noite infeliz da arbitragem.

Com treinador interino, alviverde paulista quebra sequência de resultados negativos e leva 3 pontos pra casa.

Por Paulo Edson Delazari
100514---lucio-comemora-primeiro-gol-do-palmeiras-contra-o-goias-no-pacaembu-1399760122012_564x430

Mesmo impedido, Capitão Lúcio vibra com seu primeiro gol com a camisa do Palmeiras. (Foto: UOL)

Substituindo o treinador Gilson Kleina, que foi demitido na quinta-feira, Alberto Valentim assumiu o Palmeiras interinamente e quebrou série de derrotas do alviverde. O verdão recebeu o Goiás no Pacaembu e venceu o esmeraldino por 2 a 0 com gols de Lúcio e Henrique.

No primeiro gol do zagueiro Lúcio com a camisa  do Palmeiras após 22 jogos, cabe ressaltar a falha do auxiliar no lance, o zagueiro e mais dois encontravam-se em completo impedimento, mas a arbitragem validou o gol. Já no segundo tento destaque positivo para o lateral esquerdo Willian Matheus, o jogador lançou lateral com força para a área e o atacante Henrique fez o seu terceiro gol em três partidas com a camisa do Palmeiras.

O jogo

Necessitando mostrar trabalho, os jogadores do Palmeiras começaram o jogo demonstrando muita disposição, talvez para mostrar que o problema do time fosse de fato o treinador e assim foi, logo aos 15 minutos em falta pela direita Willian Matheus alçou a bola na segunda trave e Lúcio em posição completamente irregular, de pé esquerdo fez Palmeiras 1 a 0. Primeiro gol do capitão palmeirense após 22 jogos com a camisa do alviverde.

Após o gol alviverde o time esmeraldino até tentou atacar, mas a boa marcação palmeirense fazia com que os jogadores do Goiás arriscassem de longe, mas sem perigo, assim o verdão tomou posse do jogo e em um lance inusitado chegou a marcação do seu segundo gol. Willian Matheus bateu lateral forte para dentro da área e Henrique raspou de cabeça de costas encobrindo Renan, terceiro gol do atacante com a camisa do alviverde em três partidas. Palmeiras 2 a 0.

Segunda etapa

A primeira etapa terminou sem muita emoção e assim começou o segundo tempo, até os 20 minutos nada de excepcional havia ocorrido, até então, muitos passes errados e nada de ataques perigosos de ambas equipes, de bonito somente um drible humilhante de esquerdinha sobre Valdívia que não viu nem a cor da bola em tentativa de bote.

A primeira grande chance de gol só surgiu aos 26 minutos quando Marcelo Oliveira arrancou da defesa, deu toque para Valdívia que devolveu para o zagueiro ficar cara a cara com Renan, na conclusão bola “bizonha” para fora, grande chance desperdiçada.

Depois deste lance apagão geral das equipes e nada que pudesse chamar a atenção dos torcedores que compareceram em noite fria no Pacaembu. Vitória palestrina em estreia de técnico interino. Com a vitória o Palmeiras chega aos seis pontos ocupando a sétima posição e volta a jogar pelo brasileiro no próximo domingo (18) contra o Vitória, às 18h30m no estádio do Pituaçu.