Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557
História Palmeiras | QUATRO MAIORES



ÚLTIMAS NOTÍCIAS
História Palmeiras

SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS

 

Fundação

26 de agosto de 1914

História

A História da Sociedade Esportiva Palmeiras começa no dia 26 de agosto de 1914, quando o clube foi fundado por imigrantes italianos na cidade de São Paulo com o nome de Palestra Italia.
Os principais idealizadores da fundação do clube foram; Luigi Cervo, Luigi Marzo, Vicente Ragognetti e Ezequiel Simone (que foi designado seu primeiro presidente).

No ano de 1916, o Palestra Itália consegue a vaga no campeonato paulista da APEA (Associação Paulista de Esportes Atléticos). Sua estréia no campeonato aconteceu no dia 13 de maio de 1916, no Estádio da Chácara da Floresta, contra a A.A Mackenzie College . O resultado desta primeira partida oficial foi empate por 1 a 1. Jogaram pelo Palestra: Fabrini; Grimaldi e Ricco; Fabbi II, Bianco e De Biase; Gobbato, Valle, Vescovini, Bernardini e Cestari. O gol Palestrino foi marcado por Valle.

O ano de 1920 foi importantíssimo para a história do Palmeiras. O clube compra, por 500 contos de réis, o Estádio do Palestra Itália, incluindo todo o terreno da área social. Neste mesmo ano, conquista o seu primeiro título de campeão estadual, batendo o Paulistano, por 2 a 1, em partida extra, já que ambos terminaram o campeonato com o mesmo número de pontos.

Depois de colecionar nas décadas de 20 e 30 do Século XX uma série de títulos paulistas e conquistar uma quantidade relevante de torcedores, o clube foi obrigado a mudar seu nome.

Com a entrada do Brasil na Segunda Querra Mundial, do lado dos Aliados, o clube que tinha forte influência Italiana se viu obrigado, por razões políticas, a mudar de nome. No governo de Getulio Vargas era proibido fazer menções, diretas e indiretas aos paises que formavam o eixo (Alemanha Itália e Japão), por isso o clube foi forçado e mudar de nome e aproveitando o “P” no escudo, adotou o “Sociedade Esportiva Palmeiras”

Em seu primeiro ano com o novo nome, a equipe sagrou-se campeão paulista com uma vitória sobre o São Paulo FC no Estádio do Pacaembu. Nas décadas seguintes, ampliou seu acervo de títulos e se consolidou com uma das equipes mais importantes do Brasil.

Entre 1958 e 1970, nos “anos de ouro” do futebol brasileiro, quando o País conquistou seus três primeiros títulos mundiais de futebol e encantou o planeta, o Palmeiras era um dois poucos times que conseguiam jogar de igual com o Santos de Pelé considerado um dos maiores times do mundo em todos os tempos. Na ocasião, por conta da técnica apurada e pelo toque de bola refinado de seus jogadores, o Palmeiras foi comparado durante anos a uma “Academia de Futebol”, que teve entre os principais protagonistas, em duas fases distintas e consecutivas, grandes nomes do futebol, como Ademir da Guia, Dudu, Julinho Botelho, Djalma Santos, Servílio, Tupãzinho, Luís Pereira, Leivinha, César e Leão.

O Palmeiras é a equipe brasileira com o maior número de títulos de abrangência nacional conquistados, sendo o único a vencer todas as competições oficiais que disputou criadas no País, inicialmente pela Confederação Brasileira de Desportos (CBD) e, a partir da década de 1970, pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).
Coincidentemente, após o maior ícone da Academia, o meia Ademir da Guia, encerrar a carreira em 1977, o Palmeiras ficou durante um longo período sem conquistar títulos. Ademir é considerado o maior jogador da história do alviverde, com 901 jogos disputados, 153 gols marcados e dezenas de títulos conquistados.

O Palmeiras retomou a força em 1993, com a parceria que o clube fez com a Parmalat, o clube formou uma equipe forte e competitiva e sobre o comando de Walderley Luxemburgo, foi bicampeão Brasileiro e Paulista em 1993 e 1994.

Na segunda metade do período de parceria com a Parmalat e sob o comando de Luiz Felipe Scolari, o Palmeiras chegou a três conquistas inéditas: a Copa do Brasil e a Copa Mercosul, ambas de 1998, e a Copa Libertadores da América de 1999. Nestes três títulos, alguns dos destaques da equipe foram os jogadores Arce, Alex, Zinho, Cléber, Oséas, Paulo Nunes, Júnior, Euller, Evair e César Sampaio, além dos goleiros Velloso e Marcos, que viria a se transformar num dos maiores ídolos da história alviverde.

A década terminou com aquele se seria considerado o maior troféu do clube, a Libertadores da América, após ter passado pelo seu grande rival, o Corinthians, na semi-final, o clube venceu o Deportivo Cali nos pênaltis dentro de casa.

 

 

 Estádio

Palestra Itália na final da Libertadores em 1999

Inaugurado: em 1902 pela Companhia Antarctica Paulista e adquirido pelo Palmeiras em 1920.

Antes de ser demolido para construção da nova Arena Palestra, o estádio tinha capacidade para 27.650 mil pessoas, mas já houve jogos com público superior à 40 mil. A nova capacidade deve ser de 45 mil lugares, todos cobertos.

 

 

 

 

 

Primeiro Jogo

Palmeiras 2X0 Savóia
24/01/2015
Amistoso

Primeiro Gol

O primeiro gol foi marcado por Bianco, na mesma partida do primeiro jogo.

Primeiro Título

Em 1920 o Palestra itália, conquista o seu primeiro título de campeão estadual, derrotando o Paulistano, por 2 a 1, em partida extra, já que ambos terminaram o campeonato com o mesmo número de pontos.

Títulos

1 Mundial

Palmeiras Campeão Mundial de Clubes em 1951 (Título reconhecido pela FIFA em Agosto/2014).

Finais

Palmeiras 1 x 0 Juventus – ITA

Palmeiras 2 x 2 Juventos – ITA

1 Libertadores

Palmeiras Campeão da Libertadores 1999
1999
Deportivo Cali 1×0 Palmeiras
Palmeiras 2×1 Deportivo Cali (COL)
Vitória nos pênaltis por 4×2

1 Copa do Brasil

1998

8 Brasileiros
1960, 1967, 1967, 1969, 1972, 1973, 1993 e 1994

5 Rio São Paulo
1933, 1951, 1965, 1993 e 2000

22 Paulistas
1920, 1926, 1927, 1932, 1932, 1933, 1934, 1936, 1940, 1942, 1944, 1947, 1950, 1959, 1963, 1966, 1972, 1974, 1976, 1993, 1994, 1996 e 2008

Artilharia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Confrontos

 

 

 

 

 

Hino da Sociedade Esportiva Palmeiras

Quando surge o alviverde imponente
No gramado em que a luta o aguarda,
Sabe bem o que vem pela frente.
Que a dureza do prélio não tarda!
E o Palmeiras no ardor da partida,
Transformando a lealdade em padrão.
Sabe sempre levar de vencida
E mostrar que, de fato, é campeão!
Defesa que ninguém passa.
Linha atacante de raça.
Torcida que canta e vibra!!!
Defesa que ninguém passa.
Linha atacante de raça.
Torcida que canta e vibra
Por nosso alviverde inteiro,
Que sabe ser brasileiro,
Ostentando a sua fibra!

Ouvir o Hino

Hino-da-Sociedade-Esportiva-Palmeiras-SP

Fontes:

www.palmeiras.com.br
http://pt.wikipedia.org/wiki/Sociedade_Esportiva_Palmeiras

xhamster