Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557
Peixe perde em casa e fica mais longe do G4 | QUATRO MAIORES


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Peixe perde para o Bota em casa e fica mais longe do G4

Elias faz dois e Botafogo derrota o Santos em jogo de grandes chances criadas na Vila 

Por Vladimir da Costa

Com objetivos similares, Santos e Botafogo se enfrentaram na Vila Belmiro, neste domingo, pela segunda rodada do returno, e se deu melhor quem almejava mais. O time visitante, segundo colocado na tabela, foi mais efetivo quando foi ao ataque, fez os gols que precisava e manteve a distância para o primeiro colocado, o Cruzeiro. Ao Santos, restou lamentar a derrota em casa e ver crescer a distância para o G4.

Elias comemora após marcar para o Botafogo contra o Santos na Vila Belmiro

Elias comemora um de dois gols marcados na vitória contra o Santos na Vila (Foto: Luiz Fernando Menezes / AE)

O jogo começou igual, bem disputado, com as duas equipes numa intensidade de empolgar. Com bola movimentação dos dois ataques, as equipes criaram boas chances de gols, mas pecavam na hora de decidir.

Jogando em seus domínios, o Santos criou mais, mas o Botafogo parecia estar com o pé mais calibrado. A melhor chance do peixe veio numa jogada construída por Cicinho.  O camisa 4 subiu pela direita e bateu firme para o gol.Thiago Ribeiro chegou atrasado no lance que era gol certo do peixe. O atacante parecia disperso, em nova jogada, agora pela esquerda, Thiago Ribeiro não conseguiu concluir para o gol e a partida seguia empatada. teria feito o gol. Jefferson seguia trabalhando na partida. Fez linda defesa em cabeceio de Leandrinho e viu chute de Alisson raspar o travessão.

O time visitante, apesar da pressão inicial era mais organizado e acabou abrindo o placar. Aos 33 minutos. Júlio Cesar apareceu bem na esquerda e mandou na área. Rafael Marques cabeceou, mas Aranha salvou. No rebote, quase sobre a linha, Elias completou para o fundo das redes.

O gol diminuiu o ímpeto dos donos da casa que seguiam melhor na partida, mas não chegava com tanta felicidade a frente. O time seguia martelando, mas o time dirigido por Oswaldo de Oliveira parecia bem tranquilo na partida e soube administrar a vantagem parcial até o fim do primeiro tempo.

Thiago Ribeiro lamenta gol perdido. O atacante teve duas chances de gol

Thiago Ribeiro lamenta gol perdido. O atacante teve duas chances de gol (Foto:Guilherme Dionízio / Gazeta Press)

Atrás no placar o Santos começou o segundo tempo pressionando o Botafogo, mas apesar da pressão não conseguia finalizar a gol, diferente do Bota, que sempre que chegava perto da área, arriscava mais. E Nessa vontade, o time visitante chegou ao segundo gol.

Aos 11 minutos, Renato abriu para Hyuri que chegou na ponta e cruzou, Elias foi mais rápido que a zaga e ampliou a vantagem.

Com dois gols contra, o Santos foi pro tudo ou nada, ainda no começo do segundo tempo. O técnico santista sacou Renato Abreu e colocou o garoto Neilton em seu lugar para dar maior força ofensiva e velocidade ao peixe. E a mudança acordou o time que chegou ao seu gol minutos depois. Cícero, sempre ele, fez um golaço para sua equipe. O volante artilheiro mandou uma paulada de fora da área e acertou o canto esquerdo de Jefferson que pulou, mas não achou nada.

O gol acordou o Santos e a torcida, que viu o time crescer, mas esbarrava num Botafogo bem montado e organizado taticamente. Aos 28 minutos, Edilson, que já havia feito dois, cobrou falta bem colocada e acertou o travessão do gol.

O jogo seguia aberto, com as duas equipes procurando o caminho do gol. Claudinei colocou o time de vez no ataque. Sacou Leandrinho que fazia uma partida mediana até então para colocar Ewerton Costa em seu lugar.

O Santos seguia em cima do Botafogo que esperava por um contra-ataque bem armado para matar o jogo.

Apesar de maior posse de bola e volume de jogo o Santos não agredia a equipe carioca que era mais perigosa quando chegava a frente. Aos 41 minutos, Gege, que havia entrado no lugar de Elias chutou forte, colocado e viu a bola tirar tinta do gol defendido por Aranha. E assim seguiu até o apito final, uma partida movimentada, com bons lances de perigo que terminou com vitória do vice-líder da competição, que segue na cola do Cruzeiro.

Com o placar de 2 a 1, a quarta vitória seguida, o Botafogo chegou aos 42 pontos, quatro a menos que a equipe mineira. Já o Santos com a derrota para o Flamengo na quinta e a de hoje, estacionou nos 38 pontos, na nona colocação. Na próxima rodada, na quarta, o Santos vai até Porto Alegre, para encarar o Grêmio, às 19h30m. Já o Botafogo fará o jogo de seis pontos, contra o líder da competição. Às 21h50m, a estrela solitária encara a raposa, no Mineirão.

xhamster