Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 517

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557

Warning: mysql_real_escape_string() [function.mysql-real-escape-string]: A link to the server could not be established in /home/q/quatromaiores/www/wp-content/plugins/session-manager/includes/sm_functions.include.php on line 557
Pikachu brilha e Paysandu adia título do verdão | QUATRO MAIORES


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Pikachu brilha e Paysandu adia título do verdão

Ex-pretendido, lateral decide, mantém Papão vivo e evita festa palmeirense

Por Anderson Marinho
Jogadores comemoram gol do Papão. Foto: Thiago Gomes / Futura Press

Jogadores comemoram gol do Papão. Foto: Thiago Gomes / Futura Press

O Palmeiras visitou o Paysandu, no estádio do Mangueirão, em Belém do Pará em partida válida pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, precisando apenas de um empate para garantir o título antecipado da competição, mas foi surpreendido com mais um gol do lateral Yago Pikachu, que garantiu a vitória ao time da casa por 1 a 0  e frustrou a festa alviverde.

Com o resultado o Palmeiras permanece na liderança com 73 pontos, oito a mais que a vice-líder Chapecoense, dependendo de apenas um ponto na próxima rodada, sábado às 16h20, diante do BOA Esporte no estádio do Pacaembu para se sagrar campeão.

Já o “Papão da Curuzu” chegou aos 39 pontos, na décima sétima colocação, ainda na zona da degola, e permanece vivo na luta contra o rebaixamento. Na próxima rodada o Paysandu visita o Icasa, sexta-feira às 21h50, no estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte.

O jogo

Goleiro Fabio foi o estreante da noite pelo verdão. Foto: Tarso Sarraf / O Liberal

Goleiro Fabio foi o estreante da noite pelo verdão. Foto: Tarso Sarraf / O Liberal

Com muitos desfalques, entre eles Wesley, Leandro e Valdivia, o técnico Gilson Kleina escalou o Palmeiras no 3-5-2, com Marcelo Oliveira, André Luiz e Henrique formando a zaga alviverde, tendo o meia Felipe Menezes como responsável pela criação das jogadas no meio de campo e o goleiro Fábio estreando como titular na meta alviverde no lugar de Fernando Prass.

Ameaçado pelo rebaixamento o Paysandu contou com casa cheia para encarar o verdão e tomou a iniciativa nos 15 minutos iniciais da partida, pressionando no setor ofensivo e dificultando a saída de bola do Palmeiras.

Logo aos cinco minutos, após cobrança de escanteio, Raul fez o desvio no canto esquerdo de Fabio e obrigou o arqueiro palmeirense e fazer boa defesa.

Aos poucos o Palmeiras conteve o ímpeto paraense, mas não conseguia levar perigo à meta defendida pelo goleiro Matheus.

O Paysandu chegou com perigo novamente aos 31 minutos, depois de um erro do volante Eguren na saída de bola, Djalma arriscou da entrada da área para boa defesa de Fabio.

O Palmeiras só teve a primeira oportunidade aos 35 minutos, em jogada individual pela esquerda, Juninho avançou em velocidade e arrematou de fora da área, mas Matheus afastou pela linha de fundo.

Etapa complementar

Na volta do intervalo Juninho arriscou novamente da entrada da área, em chute colocado, mas Matheus evitou o gol palmeirense.

Yago Pikachu comemora o seu segundo gol contra o verdão nesta Série B. Foto: Tamara Saré / Futura Press

Yago Pikachu comemora o seu segundo gol contra o verdão nesta Série B. Foto: Tamara Saré / Futura Press

Apesar do susto o Paysandu retornou melhor na segunda etapa, trocando passes em busca de uma oportunidade para abrir o placar e chegou novamente aos sete minutos, em chute cruzado de Héliton que passou rente à trave direita de Fabio.

Aos 13 minutos, após bela triangulação, Djalma encontrou Yago Pikachu, livre de marcação, que finalizou sem chances para Fabio.

Após o gol da equipe paraense o técnico Gilson Kleina abriu mão do terceiro zagueiro, sacando André Luiz para e entrada do atacante Serginho, passando a atuar no 4-3-3.  Vagner Benazzi respondeu com a entrada de Jaílton na vaga de Diego Barboza.

O Palmeiras quase chegou ao empate aos 25 minutos, em chute de Alan Kardec que explodiu na trave da meta defendida por Matheus.

Com a vantagem no marcador o Paysandu adotou uma postura mais cautelosa, apostando nos contra-ataques. Benazzi optou pela entrada de Careca no lugar de Marcelo Nicácio.

Insatisfeito com o rendimento da equipe, Kleina promoveu as entradas de Fernandinho e Caio nas vagas de Wendel e Ananias respectivamente.

Desorganizado o Palmeiras partiu para o abafa nos minutos finais e quase deixou tudo igual, aos 41 minutos, mas a bola explodiu no travessão.

No final do jogo o zagueiro e capitão Henrique se irritou com uma falta assinalada pelo árbitro, foi advertido com o cartão amarelo, insistiu na reclamação e recebeu o cartão vermelho em seguida.

FICHA TÉCNICA:
PAYSANDU 1 X 0 PALMEIRAS

Estádio: Mangueirão, em Belém (PA)
Data/hora: 12/11/2013 – 21h50 (horário de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Auxiliares: Marcos A. da Silva Brigido (CE) e Elan Vieira de Souza (PE)
Renda/público: Não disponíveis

Cartões amarelos: Vanderson e Jailton (PAY); André Luiz (PAL)
Cartão vermelho: Henrique (PAL)

GOL: Yago Pikachu, aos 13’/2T (1-0)

PAYSANDU: Matheus, Yago Pikachu, Fábio Sanchez, Raul e Pablo; Vanderson, Zé Antônio, Diego Barbosa (Jailton, aos 19’/2T) e Djalma; Héliton (Aleilson, aos 40’/2T) e Marcelo Nicácio (Careca, aos 28’/2T). Técnico: Vágner Benazzi.

PALMEIRAS: Fábio, André Luiz (Serginho, aos 15’/2T), Henrique e Marcelo Oliveira; Wendel (Fernandinho, aos 28’/2T), Márcio Araújo, Eguren, Juninho e Felipe Menezes; Ananias (Caio, aos 34’/2T) e Alan Kardec. Técnico: Gilson Kleina

xhamster