ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Real faz gol no fim e elimina Atlético na Champions.

Mais uma vez o Real vence uma eliminatória diante do Atlético de Madrid nos minutos finais do jogo.

Por Paulo Edson Delazari
Chicharito teve sua chance e garantiu o Real na semifinal da Champions League. (Foto: Getty Images)

Chicharito teve sua chance e garantiu o Real na semifinal da Champions League. (Foto: Getty Images)

O Real Madrid voltou a deixar o Atlético de Madrid pelo caminho na competição continental com um gol no fim. Na temporada anterior Uefa Champions League os merengues fizeram nos acréscimos do segundo tempo e ganharam na prorrogação. Desta vez, o gol da vitória saiu aos 43 da segunda etapa.

“Chicharito” Hernández balançou a rede a e definiu o triunfo por 1 a 0 no Santiago Bernabéu, nesta quarta-feira, pelo duelo de volta. A classificação ficou com o atual campeão europeu após o empate sem gols na ida.

O momento de redenção do mexicano veio após bela tabela de Cristiano Ronaldo com James Rodríguez e passe preciso do português para o meio da área, onde o atacante mandou para o gol. O mexicano, que vinha reclamando das poucas oportunidades que teve no clube merengue, teve sua chance, devido a uma lesão no joelho de Benzema.

Mais do que a classificação à semifinal da Champions, o triunfo representou o fim do pesadelo que os colchoneros representavam ao Real Madrid. Se nas últimas temporadas, o Atlético de Madri tem colecionado vitórias contra o maior rival e com direito à conquista de uma Copa do Rei em pleno Santiago Bernabéu, o time blanco deu o troco e acabou com um jejum que durava sete partidas sem um triunfo contra a equipe alvirrubra (eram quatro derrotas e três empates).

Em campo, o duelo foi parecido com o confronto de ida: equilibrado, com chances dos dois lados, mas com domínio territorial do Real Madrid. Assim como no primeiro jogo, Oblak teve atuação destacada e foi um dos grandes responsáveis para que o placar agregado registrasse apenas 1 a 0.

Em meio a este cenário, o time mandante teve uma ótima vantagem a partir dos 31 minutos da etapa final, quando Arda Turan recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo. Com um atleta a menos, o sofrimento para os visitantes parecia encaminhado. Os minutos seguintes confirmaram isso, e com direito a um sentimento de déjà vu que os colchoneros esperavam nunca mais reviver.

Agora, o Real Madrid, que chega a sua quinta semifinal consecutiva na Champions, conhecerá seu adversário na semifinal em sorteio a ser realizado na sexta-feira, às 7h (de Brasília), a ESPN Brasil transmiti ao vivo o sorteio.

FICHA TÉCNICA
REAL MADRID-ESP 1 x 0 ATLÉTICO DE MADRI-ESP
Uefa Champions League – Quartas de final – Volta

Local: Estádio Santiago Bernabéu, em Madri (ESP)
Data: 22 de abril de 2015, quarta-feira
Horário: 15h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Felix Brych (ALE)
Assistentes: Mark Borsch e Stefan Lupp (ambos ALE)
Cartões amarelos: Pepe e Arbeloa (RMD); Turan, Koke e Raúl García (ATL)
Cartão vermelho: Turan (ATL)

GOL
REAL MADRID:
 Chicharito, aos 43 minutos do segundo tempo

REAL MADRID: Casillas; Carvajal, Pepe, Varane e Coentrão (Arbeloa); Sergio Ramos, Kroos, Isco (Ilarramendi) e James Rodríguez; Chicharito (Jesé) e Cristiano Ronaldo Técnico: Carlo Ancelotti

ATLÉTICO DE MADRI: Oblak; Juanfran, Miranda, Godín e Gámez; Tiago (Giménez), Saúl (Gabi), Koke e Turan; Griezmann (Raúl García) e Mandzukic Técnico: Diego Simeone