ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Reforço vindo do Boca para o Tricolor chega à São Paulo.

O lateral esquerdo argentino, fará exames médicos e assinará contrato por dois anos.

Por Paulo Edson Delazari
Clemente Rodriguez já se acostuma com o uniforme tricolor ao chegar ao Brasil (Foto: Diogo Venturelli)

Clemente Rodriguez já se acostuma com o uniforme tricolor ao chegar ao Brasil (Foto: Diogo Venturelli)

Clemente Rodriguez o mais novo reforço do São Paulo já está em solo brasileiro, ele chegou à capital paulista nesta quinta-feira de manhã e foi recebido pelo empresário Clóvis Henrique, se mostrando muito contente por defender o Tricolor. Vindo do Boca Juniors  o argentino tem contrato com a ex-equipe até dia 30, depois assinará vínculo de duas temporadas com o clube do Morumbi.

Expulso na última partida do Boca Juniors pela Copa Libertadores da América, Rodriguez está suspenso pela Conmebol e não pode atuar contra o Corinthians, na próxima quarta, no Morumbi – o gancho pode chegar até a quatro jogos, já que ele será julgado. O jogador de 31 anos, porém, sonha em participar da segunda partida da final da Recopa, marcada para 17 de julho, no Pacaembu.

– Para o primeiro jogo vai ser difícil jogar, mas para a volta espero que tudo esteja resolvido e eu bem para atuar. Parei de jogar há pouco tempo. Preciso descansar um pouco, mas quando começar a treinar já estarei pronto – afirmou o lateral, no desembarque.

Venho para jogar em um grande time. Estou feliz de estar aqui, em um clube grande como o São Paulo. Espero demonstrar um bom futebol e que as pessoas gostem”

O argentino é mais uma aposta da diretoria do Tricolor para resolver a lateral-esquerda. Como Cortez foi colocado à venda pelos cartolas e Juan não se firmou na equipe, o São Paulo conta com Clemente Rodriguez para solucionar um problema que existe desde 2008, quando Júnior deixou o Morumbi.

– Venho para jogar em um grande time. Estou feliz de estar aqui, em um clube grande como o São Paulo. Espero demonstrar um bom futebol e que as pessoas gostem. Logo estarei pronto para começar a treinar com meus companheiros – disse o jogador, que ostenta no currículo passagens pelo futebol europeu e três títulos da Libertadores pelo Boca.