ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Santos vence no sufoco e pula para terceiro lugar no Paulistão

Num jogo eletrizante, Peixe vence Oeste de virada por 2 a 1, com um golaço de Neymar.

Por Renato Melo

Neymar comemora estilo Bolt, após 6 partidas de seca. Foto: Lancepress)

Numa partida muito disputada pela 16 rodada do Campeonato Paulista, o Santos venceu o Oeste de Itápolis por 2 a 1, no estádio Alfredo de Castilho. A partida foi marcada por jogadas de efeito do craque santista Neymar, que desde o dia 10 de fevereiro não balançava as redes adversarias. O jogo foi decidido nos minutos finais, com o Oeste empatando a partida no fim do jogo, mais Cicero tratou de salvar a equipe da Vila Belmiro com o gol da vitória, ao apagar das luzes.  Confira como foi o jogo.

PRIMEIRO TEMPO

O jogo começou com as duas equipes num ritmo morno, o Santos criou a primeira oportunidade do jogo, aos 4 minutos, Neymar cobrou a falta, e bola bateu na barreira e foi para escanteio. No lance seguinte, Giva faz boa tabela com Cicero e bateu forte da entrada da área, para a defesa do goleiro do Oeste, Fernando Leal.

 A resposta do Oeste veio aos 7 minutos, após sofrer uma falta do santista Rene Junior, que tomou o primeiro cartão amarelo da partida, Serginho cobrou a falta por cima do gol de Rafael.

Depois disso só deu Peixe, criando as melhores chances de gol principalmente com Neymar, aos 13 minutos, o atacante fez excelente jogada passando fácil pelo Zagueiro Antônio Carlos e chutou rasteiro, levando perigo para o goleiro do Oeste.

A partida caiu de produção, e só aos 35 minutos, o Oeste assusta, Hudson pega o rebote na entrada da área e chutou, passando com perigo a esquerda da meta do goleiro santista.

O Peixe dá a resposta aos 42 minutos com Bruno Peres, o lateral santista recebe a bola em profundidade, cortou para o centro e chutou, a bola desvia na zaga do Oeste e sai com muito perigo ao gol.

SEGUNDO TEMPO

Neymar faz coração para torcida após gol. (Foto: ESPN)

O Santos voltou com uma mudança feita pelo técnico Muricy Ramalho, sacou o lateral Bruno Peres para a entrada de Felipe Anderson. A primeira chance de gol foi do time da casa, Dedê chutou de longe mais Rafael atento espalma.

A resposta do time da Vila Belmiro foi imediata, aos 5 minutos, Neymar fez excelente jogada pela esquerda e toca para Guilherme Santos, ele chutou de primeira obrigando Fernando Leal a fazer grande defesa. Aos 11 minutos um lance polemico, a bola bate na mão do defensor do Oeste após cruzamento de Neymar, o atacante pediu pênalti mais o arbitro ignorou o lance.

Aos 16 minutos, quase gol do Santos, novamente com ele, a joia passa fácil pelo zagueiro e chutou colocado, a bola acerta a rede do lado de fora do goleiro do Oeste. Mais aos 21 minutos não teve jeito, o argentino Montillo fez bela jogada pela esquerda e tocou para Neymar, que na entrada da área, chutou colocado, acertando o Ângulo direito, um golaço.

Após o gol, o Oeste tentou responder aos 26 minutos com uma cobrança de falta cobrada por Serginho, a bola foi no ângulo mais Rafael mostrou elasticidade e tirou para escanteio. A pressão continuou, aos 33 minutos, depois do desvio de Marcinho Beija Flor, os jogadores do Oeste pediram pênalti, após a bola bater no braço de Guilherme Santos, mas o juiz só marcou escanteio.

Com o Oeste se mandando para o ataque, o Santos buscava os contra ataques, aos 39 minutos, Neymar arrancou pelo meio campo, ficou mano a mano com o zagueiro mais demorou a concluir, desperdiçando a chance de matar a partida.

No lance seguinte, veio o castigo. Aos 40 minutos, num contra ataque fulminante, o Oeste chegou ao empate com Gilmar, após cruzamento rasteiro, o goleiro santista não segura e a bola sobrou para o centroavante chutar sozinho para o fundo do gol santista.

A partida ficou emocionante. Depois de tomar o gol de empate, o Santos deu a resposta no minuto seguinte, aos 41 minutos, Montillo cobrou escanteio, Durval desvia de calcanhar e a bola sobrou para Cicero, que com oportunismo, chutou forte sem chances para o goleiro Fernando Leal, 2 a 1 Santos. O arbitro da partida deu três minutos de acréscimos.

No ultimo lance de perigo, aos 46 minutos, Neymar soltou uma bomba de fora da área, obrigando o bom goleiro do Oeste a fazer uma excelente defesa.

Fim do jogo, vitória suada do Alvinegro Praiano que com o resultado positivo, chegou aos 32 pontos no Paulistão na quarta colocação, já o Oeste estacionou com 19 pontos na decima primeira posição.

 

FICHA TÉCNICA:
OESTE 1 X 2 SANTOS

Local: Alfredo Castilho, em Bauru (SP)
Data/hora: 12/02/2012 – 18h30
Arbitro: Rodrigo Guarizo do Amaral (SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto e Paulo de Souza Amaral

RENDA/PÚBLICO: Não disponíveis
CARTÕES AMARELOS: Lelê, Fernandes, Antônio Carlos, Hudson, Fernando Leal (OES); Renê Júnior (SAN)
CARTÕES VERMELHOS: –
GOLS: Neymar, 21’/2°T (0-1); Gilmar, 39’/2ºT (1-1); Cícero, 42’/2ºT (1-2)

OESTE: Fernando Leal; Antonio Carlos (Marcinho Beija-Flor, 31’/2ºT), Dezinho e Ligger; Dedé, Leandro Teixeira (Gilmar, 32’/2ºT) , Fernandes, Huson, Wanderson e Serginho; Lelê (Jefferson – 19’/2ºT). Técnico: Roberto Cavalo.

SANTOS:Rafael; Bruno Peres (Felipe Anderson – intervalo), Neto, Durval e Guilherme Santos; Renê Júnior, Alan Santos, Cícero e Montillo (Patito – 43’/2ºT); Neymar e Giva (André – 19’/2ºT) . Técnico: Muricy Ramalho.