ÚLTIMAS NOTÍCIAS
São Paulo aproveita fator casa e bate Grêmio no Morumbi

Tricolor volta a vencer o Grêmio no Morumbi após dois anos e se recupera na tabela.

Por Vladimir da Costa

Neste sábado de outono no Morumbi, o tricolor se recuperou da goleada sofrida no meio de semana diante do Fluminense e venceu, outro tricolor, desta vez o gaúcho. Pelo placar mínimo de 1 a 0, o São Paulo venceu o Grêmio pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Lucão é cercado por seus companheiros depois de marcar o gol da vitória do tricolor no Morumbi. (Foto: Rodrigo Capote/UOL)

Lucão é cercado por seus companheiros depois de marcar o gol da vitória do tricolor no Morumbi. (Foto: Rodrigo Capote/UOL)

Uma partida equilibrada, com poucas dos dois lados, venceu o time que vem se especializando em transformar zagueiros em atacantes.  Lucão, jovem da base, de apenas 18 anos marcou de cabeça, completando cruzamento de Ganso.

A partida

Jogando em casa o São Paulo teve dificuldades de mostrar superioridade. Com um meio campo bem postado o Grêmio conseguia segurar o ímpeto ofensivo do São Paulo. Apesar de mais marcar do que atacar, o time paulista ficava com a bola, mas não transformava as chances claras de gol.. Antônio Carlos, de cabeça, teve a melhor chance. Marcelo Grohe mostrou segurança e salvou sua equipe de levar o primeiro. Mas o Grêmio, com três volantes, soube atacar na hora certa e também levou perigo. Barcos perdeu boa chance na cara de Ceni, batendo para fora. Um 0 a 0 merecido.

No segundo tempo, o jogo continuou equilibrado, com poucas chances claras dos dois lados. O São Paulo, porém, soube se aproveitar de um lance de bola parada. Aos 15 minutos, Ganso, que novamente atuou de forma precisa e ajudou o tricolor a abrir o placar. O camisa 10 jogou a bola na área com precisão e encontrou Lucão, que cabeceou sem muita força, desta vez o arqueiro gremista não foi feliz e foi vencido pelo zagueiro são-paulino.

Pato atuou como titular, mas novamente passou em branco. (Foto: Rodrigo Capote/UOL)

Pato atuou como titular, mas novamente passou em branco. (Foto: Rodrigo Capote/UOL)

O Grêmio, então, passou a se mandar mais para o ataque, principalmente nos minutos finais. Aos 43 minutos, o lance mais polêmico: Barcos chutou, e a bola bateu na mão de Lucão, dentro da área. O árbitro Wilton Pereira Sampaio nada marcou. No último lance da partida, nos acréscimos, Barcos recebeu nas costas de Lucão e, cara a cara com Ceni, bateu para fora. Alivio para os 15 mil são-paulinos presentes que puderam comemorar os três pontos e ver o time se recuperar na tabela.

Com a vitória, o São Paulo vai a 12 pontos e vira a noite de sábado para domingo colado no G-4, na quinta colocação. O Grêmio, com 13, é o terceiro. Ambos podem ser ultrapassados por Internacional, Palmeiras, Goiás e Atlético-MG neste domingo.

Na próxima rodada, os dois times entram em campo na quarta-feira. De novo fora de casa, o Grêmio encara o Sport, na Ilha do Retiro, às 19h30. O São Paulo  Atlético-PR no Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG). O time paranaense ainda paga pela briga de seus torcedores ano passado e por isso a partida será em Minas.

SÃO PAULO 1×0 GRÊMIO

Data: 24/05/2014 (sábado)

 Horário: 21h (de Brasília)

 Local: Morumbi, em São Paulo (SP)

 Árbitro: Wilton Pereira Sampaio – GO (FIFA)

 Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva – GO (FIFA) e Joao Patricio de Araujo – GO (CBF-1)

Gols: Lucão (São Paulo)

Cartões amarelos: Douglas, Souza, Maicon e Ganso (São Paulo)/Ramiro e Breno (Grêmio)

SÃO PAULO

 Rogério Ceni, Douglas, Lucão, Antonio Carlos e Reinaldo; Souza, Maicon e Ganso; Alexandre Pato (Pabon), Luis Fabiano e Osvaldo (Boschilia). Técnico: Muricy Ramalho

GRÊMIO

 Marcelo Grohe, Pará, Werley, Bressan e Breno (Zé Roberto); Ramiro (Maxi Rodriguez), Riveros (Matheus Biteco), Edinho, Rodriguinho e Dudu; Barcos. Técnico: Enderson Moreira