ÚLTIMAS NOTÍCIAS
São Paulo "Bica" o Galo na Raça e no Coração!

Em noite dos números São Paulo leva a melhor sobre o Atlético Mineiro, jogando com a alma.

Por Paulo Edson Delazari
Muricy chegou a 200 vitórias no comando do São Paulo e sua terceira vitória desde o retorno. (Foto: Rubens Chiri)

Muricy chegou a 200 vitórias no comando do São Paulo e sua terceira vitória desde o retorno. (Foto: Rubens Chiri)

O Tricolor recebeu o Atlético-MG nesta quarta-feira (18), no Morumbi, às 21h50, em busca da trinca pela 22ª rodada da competição nacional e diante de seu algoz na Libertadores da América deste ano, o São Paulo manteve o embalo no torneio após o retorno de Muricy Ramalho ao comando do clube vencendo o jogo por 1 a 0 com gol de Welliton.

O treinador, aliás, conquistou a sua 200ª vitória no comando do clube e o capitão Rogério Ceni chegou a incrível marca de 1.100 jogos com a camisa Tricolor, que enfatizou sobre o espírito aguerrido da equipe no jogo desta noite.

“Era um jogo para se ter uma noção do que poderiamos fazer no campeonato, fico feliz pela alma e pelo coração aplicado nessa partida, especialmente pelo Denilson e o Maicon, fico feliz por essa alma, essa dedicação. Fico feliz o número de jogos completados, algo que só acontecia na década de 60, 70 e 80.” – Declarou o capitão Rogério Ceni ao fim da partida.

O jogo

Welliton comemora seu primeiro gol na equipe tricolor, desde sua chegada ao Morumbi, após ganhar titularidade. (Foto: Rubens Chiri)

Welliton comemora seu primeiro gol na equipe tricolor, desde sua chegada ao Morumbi, após ganhar titularidade. (Foto: Rubens Chiri)

Contagiado pela torcida que mais uma vez compareceu em bom número, foram mais de 28.500 pagantes, que cantou durante toda a partida, o São Paulo tomou conta do jogo no primeiro tempo e criou as melhores oportunidades. Welliton e Luis Fabiano, na referência, davam opções aos meias Jadson e Ganso, que buscavam as tabelas curtas para envolver o sistema defensivo adversário.

Assim, as oportunidades foram surgindo uma atrás da outra até que as redes balançassem na capital paulista. Aos 26 minutos, o Fabuloso recebeu passe dentro da grande área e bateu cruzado. A zaga mineira se atrapalhou e o atacante Welliton aproveitou para marcar o seu primeiro gol com a camisa tricolor. De cabeça, o centroavante bateu o goleiro Vitor e abriu o placar.

Após largar na frente, a equipe são-paulina foi pressionada pelo Atlético-MG, mas soube marcar o rival e administrar a vantagem até o intervalo. Buscando as enfiadas de bola, os visitantes tentaram surpreender os donos da casa, porém, pararam nas mãos de Rogério Ceni. Dessa forma, o São Paulo foi para os vestiários com o resultado positivo: 1 a 0.

Rogério Ceni chegou a 1.100 partidas com o manto tricolor. (Foto: Rubens Chiri)

Rogério Ceni chegou a 1.100 partidas com o manto tricolor. (Foto: Rubens Chiri)

Na volta para a segunda etapa, os alvinegros se lançaram ao ataque e ficaram mais tempo com a posse de bola. No entanto, apesar de rondar a área são-paulina e buscar o gol de empate, os defensores do Tricolor marcaram em cima e não deram espaço aos atleticanos. E sentindo que a equipe poderia render mais e buscar o segundo gol, Muricy apostou na entrada de Aloísio na vaga de Welliton.

Mesmo pressionado, foi o São Paulo que esteve mais próximo de balançar as redes. Aos 25 minutos, após rápido contragolpe, Luis Fabiano deixou a bola para Jadson que, de primeira, quase marcou um golaço no Morumbi. E após conter o ímpeto do Atlético-MG e arriscar algumas descidas perigosas ao ataque, o Tricolor conseguiu assegurar a vitória e acumular o seu terceiro jogo consecutivo de invencibilidade no Campeonato Brasileiro.

A vitória levou o São Paulo aos 27 pontos, afastando-o um pouco mais da zona do rebaixamento, subindo na tabela para o 13º lugar. Já o Atlético parou nos 28 pontos e ocupa o 12º lugar. O Tricolor vai à Goias no domingo, onde enfrentará o esmeraldino as 16h, o Galo recebe o Vasco no estádio Independência no mesmo dia, só que as 18h30m.

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 1 X 0 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 18 de setembro de 2013, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia (RJ) e Wagner de Almeida Santos (RJ)
Cartões amarelos: Maicon, Fabrício (São Paulo). Pierre, Josué, Rodrigo Caio (Atlético)
GOL:SÃO PAULO: Welliton, aos 26 minutos do primeiro tempo

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Reinaldo; Denilson, Maicon (Fabrício), Ganso e Jadson; Welliton (Aloísio) e Luis Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Junior Cesar (Dátolo); Pierre (Leandro Donizete), Josué e Ronaldinho Gaúcho; Fernandinho, Diego Tardelli (Luan) e Jô
Técnico: Cuca