ÚLTIMAS NOTÍCIAS
São Paulo demonstra raça, mas perde para o Kashima.

Perdendo por dois gols, tricolor reage, mas sofre gol no fim da partida.

Por Paulo Edson Delazari
Ganso comemora gol durante jogo da Copa Suruga. (Foto: AFP)

Ganso comemora gol durante jogo da Copa Suruga. Meia teve excelente participação na partida. (Foto: AFP)

Mesmo sem a maioria dos titulares São Paulo demonstra força na Copa Suruga contra o Kashima, e após reação espetacular, depois de estar perdendo por dois gols de diferença empata a partida em 2 a 2, mas sofre gol no finalzinho do jogo e perde título da competição.

O ponto positivo foi a bela atuação do meia Paulo Henrique Ganso, que fez gol e deu assistência. O jogador teve momentos brilhantes na partida e pode ser a esperança de reação da equipe na continuação do campeonato brasileiro.

Pelo lado japonês o destaque da partida foi o atacante Osako que fez os três gols da equipe japonesa e ainda perdeu um pênalti. A se lamentar a péssima atuação da arbitragem contra o São Paulo, que marcou um pênalti inexistente para o kashima e validou o gol irregular de Osako no fim da partida.

O São Paulo agora retorna ao Brasil e enfrenta a Portuguesa no domingo as 18h30m no estádio do Canindé.

O Jogo

Sem Jadson, Toloi, Fabricio e Osvaldo que voltaram da Europa para se prepararem para o jogo diante da Portuguesa e Paulo Miranda, Denilson e Luis Fabiano contundidos o Tricolor foi ao Japão para a disputa da Copa Suruga contra o Kashima Antlers e logo aos três minutos obteve sua primeira chance nos pés de Aloísio, o atacante recebeu na entrada da grande área colocou a bola no meio das pernas do marcador e chutou forte, mas a bola passou sobre o gol Sogahata.

Contrataque do São Paulo, num lance envolvente a equipe do Morumbi se viu num quatro contra três em arrancada de Ademilson, o atacante foi para o meio da área e tocou para Ganso que com um toque genial devolveu pra Aloísio e dele para Ademilson que na cara do gol chutou para defesa do goleiro japonês. Por pouco São Paulo não abriu o placar.

Segundo gol de Osako do Kashima. (Foto: Kasuhiko Nogi / AFP)

Segundo gol de Osako do Kashima. (Foto: Kasuhiko Nogi / AFP)

Apesar de dominar o primeiro tempo foi o Kashima que marcou primeiro, o meia Shibasaki fez bela jogada pela direita e colocou Oshako na cara de Rogério ao tentar tirar o atacante com um golpe de sorte deu um lençol no goleiro e bateu para o gol livre fazendo 1 a 0 para o atual campeão japonês.

O time japonês mostrou bom jogo e aos 38 minutos foi recompensado, o brasileiro chegou ao fundo e cruzou para Osako dentro da área, o atacante não perdoou e de primeira fez 2 a 0 para o Kashima.

Etapa complementar

Do jeito que estava não podia continuar e Paulo Autuori voltou com duas substituições, Lucas Evangelista e Silvinho entraram nos lugares de Maicon e Ademilson e a mudança surtiu resultado, logo a um minuto após boa jogada de Aloísio a bola sobrou pra Silvinho que bateu e o goleiro evitou o primeiro gol do São Paulo.

São Paulo continuou tentando diminuir o prejuízo, aos 10 minutos Ganso alçou a falta e Silvio livre cabeceou para fora.

Goooool do São Paulo!!!! Ganso recebe no meio sai da marcação  para o lado esquerdo e bateu com categoria de fora da área, golaço de Ganso, sem chance para Sogahata.

Contrataque do Kashima aos 18, Osako recebeu na entrada da área e Silvinho derruba o atacante fora da área, mas o juiz da pênalti.  Na batida Rogério defende, mas o bandeirinha nipônico manda voltar, porque o goleiro se adiantou na cobrança. Na segunda cobrança Osako bate pra fora. Como diriam na várzea: pênalti mal marcado não entra.

Gooooool do São Paulo! Paulo Autuori arriscou tudo e tirou o zagueiro Lucão e colocou Roni aos 28.  Aos 30 a  ousadia do treinador foi recompensada Douglas cruzou da direita e encontrou Ganso na entrada da pequena área, com um toque que só os gênios sabem dar, o meia tocou e deixou Aloísio sem goleiro, empate do Tricolor, tudo igual São Paulo 2 a 2.

Aos 46 Tricolor perde a chance da virada, Ganso da belo passe para Welligton na entrada da área o volante deixa o marcador no chão, mas na hora da batida, faltou a perna esquerda, o chute saiu fraquinho. No minuto seguinte o castigo, numa das raras chegadas da equipe japonesa o meia Shoma chutou para o gol a bola ia para fora, no meio do caminho a bola bateu em Osako impedido e pegou o goleiro tricolor no contrapé. Título do Kashima.

 

  • 4-5-1 KASHIMA
  • GOL Sogahata
  • LAD Nishi
  • ZAD Aoki
  • ZAE Yamamura
  • LAE Maeno
  • VOL Shibasaki
  • VOL Endo
  • MEC Shoma Doi
  • MEC Ogasawara
  • MEC Juninho
  • ATA Osako

TEC Toninho Cerezo

  • 4-4-2 SÃO PAULO
  • GOL Rogério Ceni
  • LAD Douglas
  • ZAD Lucas Silva
  • ZAE Edson Silva
  • LAE Reinaldo
  • VOL Wellington
  • VOL Rodrigo Caio
  • MEC Maicon
  • MEC Paulo Henrique Ganso
  • ATA Aloísio
  • ATA Ademilson

TEC Paulo Autuori