ÚLTIMAS NOTÍCIAS
São Paulo vence Goiás e fica a cinco pontos do Cruzeiro.

Faltando sete rodadas para o fim do campeonato, Tricolor põe um tempero a mais na competição.

Por Paulo Edson Delazari
32 mil pessoas compareceram no Morumbi para prestigiar o São Paulo. Foto: Rubens Chiri.

32 mil pessoas compareceram no Morumbi para prestigiar o São Paulo. Foto: Rubens Chiri.

Devido às eleições e o clássico entre Palmeiras x Corinthians no sábado no Pacaembu, o São Paulo teve de enfrentar o Goiás, nesta segunda-feira. Sabendo do resultado do Cruzeiro, o time entrou em campo sabendo o que teria de fazer para diminuir a vantagem do adversário para 5 cinco pontos e a equipe de Muryci fez a lição de casa, vencendo por 3 a 0 com gols de Edson Silva, Luis Fabiano e Alan Kardec.

Além da vitória o São Paulo viu seu goleiro quebrar mais um recorde, o Mito chegou à vitória de número 590 na carreira em 1.136 jogos por um mesmo clube, ultrapassando o Gales Gigs do Manchester United da Inglaterra.

Os gols de Luis Fabiano e Alan Kardec quebraram um estigma que seguia o time, os atacantes não marcavam a cinco jogos, mas a marca caiu antes dos seis minutos do fim da partida.

Com a vitória o Tricolor chegou a 56 pontos e recuperou a segunda posição na classificação da competição, entrando definitivamente na luta para o título brasileiro de 2014. Já o Goiás se manteve com os 41 pontos em 9º lugar.

O tricolor volta a jogar na próxima quinta-feira pela sul-americana, às 19h30 no estádio do Morumbi e só joga no campeonato nacional no domingo, às 16h no Heriberto Hulse contra o Criciúma pela 32ª rodada. Já o esmeraldino recebe o Fluminense no Serra dourada, às 19h30m do Sábado.

O Jogo

Edson Silva abriu o placar logo aos 2 minutos. ( Foto: Rubens Chiri).

Edson Silva abriu o placar logo aos 2 minutos. ( Foto: Rubens Chiri).

Com a ausência de Kaká, Toloi e Paulo Miranda suspensos, o tricolor entrou com Hudson, Michel Bastos e Luis Fabiano na equipe. Sabendo da obrigação de vencer o São Paulo iniciou tocando a bola e logo aos dois minutos foi premiado com o gol. Michel Bastos alçou bola na área em cobrança de falta pelo lado esquerdo, Edson Silva subiu mais que a zaga esmeraldina e testou indefensável no canto esquerdo de Renan, abrindo o placar.

Em vantagem o time não baixou a guarda e três minutos depois marcou a saída de bola do clube esmeraldino, Luis Fabiano pressionou Amaral, este errou o passe e Michel Bastos deu o bote, na sequência o meia tocou para o artilheiro tricolor que dominou e chutou forte no contrapé do goleiro Renan, ampliando para 2 a 0.

O São Paulo seguia avassalador, aos 13 Michel Bastos recebeu de Alan Kardec partiu em diagonal e dentro da área bateu firme para a grande defesa do goleiro Renan.

O primeiro risco contra o gol de Rogério ocorreu somente aos 29 minutos. Lima chegou ao fundo pelo lado esquerdo e cruzou, Álvaro Pereira chegou desviando e quase marcou contra, a bola ainda raspou na trave.

Segunda etapa

Luis Fabiano marcou seu 17ª gol no ano. (Foto: Rubens Chiri).

Luis Fabiano marcou seu 17ª gol no ano. (Foto: Rubens Chiri).

Administrando a vantagem o São Paulo recuou e aos oito minutos sofreu um susto, esquerdinha achou Erick, o atacante chutou de fora da área e Rogério Ceni espalmou para escanteio.

A ousadia do time goiano teve consequências, aos doze Ganso deu lindo passe para Michel Bastos, o meia invadiu a área e chutou, Amaral se jogou e colocou para escanteio. Na batida Ganso colocou na área e Alan Kardec cabeceou para o chão no canto direito de Renan. São Paulo 3 a 0.

O gol fez bem ao São Paulo, aos 25 Luis Fabiano deu belo passe para Osvaldo, dentro da área o atacante chutou rasteira, mas Renan defendeu com o pé. Aos 38 Esquerdinha deu belo chute de fora, mas a bola passou perto da trave direita de Rogério Ceni. Dois minutos depois em boa tabela de Maicon e Ganso, o volante recebeu na frente e tentou o chute que saiu sobre a trave. Luis Fabiano e Osvaldo fechavam sozinhos dentro da pequena área. Assim não houve tempo para mais nada. São Paulo 3 a 0 Goiás.

São Paulo

Rogério Ceni; Hudson, Antonio Carlos, Edson Silva e Alvaro Pereira; Denilson, Souza (Maicon, 31min/2ºT), Paulo Henrique Ganso e Michel Bastos (Ademilson, 40min/2ºT); Alan Kardec (Osvaldo, 15min/2ºT) e Luis Fabiano

Técnico: Muricy Ramalho

Goiás

Renan; Felipe Macedo (Moisés, 32min/2ºT), Jackson, Pedro Henrique e Lima; Amaral, Thiago Mendes, David (Tiago Real, 18min/2ºT) e Esquerdinha; Erik e Ramon (Bruno Mineiro, intervalo)

Técnico: Técnico: Ricardo Drubscky

Gols

São Paulo

Edson Silva (3min/1ºT), Luis Fabiano (6min/1ºT), Kardec (13min/2ºT)

Goiás

Não houve

Arbitragem

Árbitro Principal

Bráulio da Silva Machado (SC)

Auxiliares

Kleber Lúcio Gil (Fifa-SC) e Carlos Berkenbrock (SC)

Advertências

Cartões Amarelos

SÃO PAULO: Antônio Carlos (17min/2ºT); GOIÁS: Erik (17min/2ºT), Amaral (30min/2ºT)

Cartões Vermelhos

Não houve