ÚLTIMAS NOTÍCIAS
São Paulo vence o Figueirense fora de casa

Garotos brilham na primeira vitória do tricolor sob o comando de Ney Franco

Por Anderson Marinho

Ademilson e Willian José foram os destaques do tricolor na partida. Foto: Antonio Carlos Mafalda / AE

Figueirense x São Paulo se enfrentarm no  Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, em jogo válido pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012.  Em uma partida tecnicamente fraca, o tricolor paulista superou o adversário por 2 x 0 e alcançou o primeiro triunfo sob o comando do técnico Ney Franco.

O jogo

O São Paulo começou tocando bem a bola e com menos de um minuto de jogo Ademilson, bem posicionado, aproveitou a sobra após um chute de Denilson e bateu de primeira no canto esquerdo de Wilson para abrir o marcador. Figeuirense 0 x 1 São Paulo.

O gol logo inicio deu tranquilidade para a equipe do técnico Ney Franco que continuou controlando o jogo  e trocando passes em direção à área catarinense.

O Figueira, comandado pelo treinador interino Abel Ribeiro, sentiu o golpe e encontrava dificuldades para manter a bola no campo de ataque. A primeira chance do alvinegro só veio aos 10 minutos, após falta sofrida por Caio na intermediária, Julio Cesar cobrou por cima do travessão, sem perigo para a meta do goleiro Denis.

Voltando a atuar com três zagueiros,  esquema com o qual havia conseguido duas vitórias sob o comando de Milton Cruz, o tricolor paulista seguiu melhor no primeiro tempo  contando com o avanço dos alas Douglas e Cortez e com muita movimentação no setor de ataque.

Aos 30 minutos, Douglas robou bola no meio de campo avançou até a área adversária e rolou para Willian José. O atacante driblou bem o marcador e chutou de pé esquerdo, com perigo, quase o segundo gol são-paulino.

O São Paulo dominou o primeiro tempo e poderia ter ampliado a vantagem contra um Figeuirense nervoso e desorganizado em campo.

Etapa Complementar

Na volta para o segundo tempo o treinador Abel Ferreira sacou o meia Almir para a entrada de Ronny, passando a jogar no 4-3-3.

O figueirense começou marcando em cima, pressionado a saida de bola, e aos 2 minutos, após uma bola dividida na pequena área, Julio Cesar arriscou o arremate de direita e Denis fez boa defesa.

Precisando do resultado, para escapar da zona de rebaixamento, o Figueira partiu com tudo para o ataque e deixava espaços para o contra-ataque do São Paulo.

Aos sete muinutos, Ademilson roubou a bola e avançou em velocidade, driblou Fred, mas foi derrubado pelo zagueiro com um carrinho por trás. No lance, o árbitro deu cartão amarelo para o jogador alvinegro, mas Adenilson teve que ser substituido, aos 11 minutos depois da pancada, em seu lugar entrou Rafinha.

A equipe catarinense  demonstrava muita vontade e pouca qualidade. Aos 13 minutos, Ronny cruzou na área, a bola passou por todo mundo, na sobra Julio Cesar chutou mascado e Caio tentou de cabeça, mas João Felipe tirou em cima da linha evitando o gol de empate.

O São Paulo caiu de produção no segumdo tempo, com a mudança de postura do time da casa,  e o técnico Ney Franco fez mais duas substituições na equipe. Maicon, contundido, deu lugar ao jovem João Schimitt e João Felipe, com cartão amarelo, saiu para a entrada de Edson Silva.

Aos 24 minutos Fred segurou Cortez pela camisa e tomou o segundo cartão amarelo deixando o Figueira com um homem a menos.

O duelo ficou tenso, com muitas faltas de ambos os lados, obrigando o árbitro a distribuir muitos cartões amarelos.

Aos poucos o São Paulo voltou a tomar conta da partida, admistrando a posse de bola, mas não conseguiu transformar o volume de jogo em oportunidades de gol.

Ademilson marca o primeiro gol do São Paulo contra o Figueirense. Foto: Cristiano Andujar / Agência Lance

No último minuto de jogo no Orlando Scarpelli, quando já não se esperava mais nada, Willian José avançou em velocidade e bateu de pé direito com categoria, sem chances para Wilson, um golaço! Figeuirense 0 x 2 São Paulo.

Sem suas principais estrelas, e com muita coisa a melhorar, o tricolor pauslitas se aproveitou da fragilidade do adversario e contou com a estrela dos garotos Ademilson e Willian José, que marcaram no primeiro e último minuto de jogo respectivamente, para obter o resultado positivo.

O São Paulo conquista a sua sexta vitória no campeonato e ocupa provisóriaente a quinta posição na tabela de classificação com 19 pontos ganhos. O tricolor paulista volta a entrar em campo na próxima quarta-feira, às 21h50, no estádio Serra Dourada contra o Atlético-GO pela 12ª rodada da competição.

 

FICHA TÉCNICA
FIGUEIRENSE 0 x 2 SÃO PAULO

Local: Orlando Scarpelli (Florianópolis)
Data/Horário: 22/07/2012 – 16h
Árbitro: Anderson Darronco (RS)
Assistentes: Márcio Eustáquio Santiago e José Chaves Franco Filho.
Renda/Público: R$ 173.310 / 9.445 pagantes
Cartões Amarelos: Anderson Conceição, Fred, Túlio e Pitoni (FIG); Willian José, João Filipe e Edson Silva (SP)
Cartões Vermelhos: Fred (FIG)

GOLS: Ademilson 1’/1ºT (1-0), Willian José 47’/2°T (2-0)

FIGUEIRENSE: Wilson; Coutinho (Aloísio, 36’/2°T), Fred, Anderson Conceição e Guilherme Santos; Doriva, Túlio, Pitoni e Almir (Roni, intervalo); Júlio César (Canuto, 27’/2°T) e Caio. Técnico: Abel Ribeiro

SÃO PAULO: Denis; João Filipe (Edson Silva, 22’/2°T), Rafael Toloi e Rhodolfo; Douglas, Denilson, Maicon (João Schmitt, 16’/2°T), Jadson e Cortez; Ademilson (Rafinha, 19’/2°T) e Willian José. Técnico: Ney Franco

He discusses a new 12 inch www.spyappsinsider.com/thetruthspy/ notebook without fan assembly