ÚLTIMAS NOTÍCIAS
São Paulo vence Sport em dia de Magrão

O tricolor venceu, mas o grande destaque da partida foi o goleiro Magrão do Sport.

Por: Paulo Edson Delazari

Ademilson luta pela bola contra defensores do Sport. (Foto: Idário Café/VIPCOMM)

Mesmo sem Luis Fabiano o São Paulo manteve a escrita e pela 15º vez em campeonatos brasileiros, jogando como mandante, venceu o time do Sport por 1×0, com gol de Ademilson, que fez o seu quarto gol em cinco partidas como titular do tricolor.

No começo da partida a torcida sentiu saudades do atacante que viu a equipe com Willian José e Ademilson perderem dois gols cara a cara com Magrão que praticou as defesas.

Apesar da vitória do São Paulo Magrão foi o grande destaque da partida que fez pelo menos 6 grandes defesas, entre as quais a do gol que a zaga não consegui tirar. O goleiro foi muito elogiado por Rogério Ceni que enalteceu a boa partida do adversário.

– “Graças a ele, nós só abrimos o placar no final do segundo tempo. Cheguei a perguntar a ele: Pô Magrão o que é isso, assim não dá.” Seguido de um sorriso do capitão.

Questionado sobre os gols perdidos por Willian José e Ademilson no primeiro tempo Rogério mostrou serenidade.

“O Willian e o Ademilson tiveram duas ótimas oportunidades mas não fizeram, falei que eles teriam mais chances e foi o que aconteceu, ai o Ademilson conseguiu. O jogo foi duro e devemos enaltecer a atuação também da zaga, o Tolói jogou muito.”

Magrão também explicou na saída sua ótima atuação, mas lamentou a derrota.

– “Segurei de todas as maneiras mas não foi possível, eles conseguiram fazer o gol.”

O Jogo

Ademilson foi o autor do gol na vitória tricolor. (Foto: Idário Café/VIPCOMM)

12 minutos: João Felipe de uma de meia esquerda avança e da ótima enfiada para Willian José que fica cara a cara com Magrão, o atacante bate mal em cima do goleiro e o São Paulo perde grande chance.

15 minutos: Inspeirado em João Felipe, Maicon recebe de Ademilson e com um toque magnífico coloca o jovem atacante frente a frente com Magrão, a revelação tricolor escolhe o canto e tira de Magrão que faz uma excelente defesa evitando o primeiro gol Tricolor.

19 minutos: Gilberto recebe na intermediária e resolve testar Rogério Ceni que cai do Lado direito e espalma para escanteio.

26 minutos: Boa jogada de Felipe Azevedo pela direita, rola para Gilberto na entrada da área, o atacante ex-Santa Cruz chuta por cima.

34 minutos: Maicon da outra bela assistência para Jadson desta vez o meia recebe em condições de fazer o gol, mas a auxiliar inventa pela segunda vez um impedimento, evitando aquele que poderia ser o primeiro gol do São Paulo.

2º tempo

7 minutos: a partida seguiu com muitas faltas por parte do Sport, não era nem cinco minutos e o Leão já tinha 2 amarelos.

8 minutos: Em contra ataque Gilbert recebeu e bateu de fora da área para defesa de Ceni.

10 minutos: Douglas recebe pela direita leva a marcação e chuta sem ângulo para defesa de Magrão.

20 minutos: Felipe Azevedo toca para Hugo que de primeira chuta em diagonal para bela defesa de Rogério Ceni.

22 minutos: Jadson acha Willian José, ele demora e na cara do gol deixa o zagueiro tomar a bola, Ney Franco perde a paciência assim como a torcida e tira o atacante para entrada de Cícero.

O sufoco seguia, São Paulo martelava e Magrão aparecia e mais uma vez erro do bandeirinha da partida prejudicando o São Paulo. Douglas arranca e de fora da área da uma paulada de esquerda, a bola desvia e encobre Magrão explodindo na trave, na sobra Ademilson em condição legal bate e Magrão espalme, de novo Ademilson bate e faz, mas o bandeirinha anula equivocadamente.

29 minutos: João Felipe faz ótima jogada e vira para Ademilson que domina e bate, Magrão defende com o peito.

32 minutos: Escanteio cobrado e Cícero cabeceia para mais uma ótima defesa de Magrão. Ainda aos 32 minutos, Cícero recebe belo passe de Tolói em condição normal, avança e bate, Magrão opera mais um milagre, mas a bola sobra para Ademilson que enche o pé para o gol. São Paulo 1×0.

Ademilson enche o pé para fazer o gol da vitória (Foto: Idário Café/VIPCOMM)

33 minutos: O time do São Paulo não sossega e continua apertando, Jadson lança Cicero na esquerda o meia vê bem o garoto tricolor e faz o passe, Ademilson da de primeira pro gol, mas a bola bate na rede pelo lado de fora.

O São Paulo agora em 6º Lugar a um ponto da zona de classificação encara o Fluminense no engenhão que ocupa a terceira colocação na quarta as 21h50 e poderá ter o retorno de Luis Fabiano ao ataque. Caso isto não aconteça segue Willian José mesmo diante de uma péssima tarde.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 0 SPORT

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 5 de agosto de 2012, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Público: 22.330 pagantes
Renda: R$ 502.561,00
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Marcio Eustáquio Santiago (Fifa-MG) e Janette Mara Arcanjo (Fifa-MG)
Assistentes adicionais: Jailson Macedo Freitas (BA) e Eduardo Cordeiro Guimarães (RJ)
Cartões amarelos: Maicon (São Paulo); Willians, Aílson e Edcarlos (Sport)
Gol:
SÃO PAULO: Ademilson, aos 33 minutos do segundo tempo
SÃO PAULO: Rogério Ceni; João Filipe, Rafael Toloi e Rhodolfo; Douglas, Denilson, Maicon (Casemiro), Jadson e Cortez; Ademilson e Willian José (Cícero)
Técnico: Ney Franco
SPORT: Magrão; Moacir, Aílson, Diego Ivo e Reinaldo; Tobi, Rithelly, Willians (Edcarlos), Marquinhos Gabriel (Hugo) e Felipe Azevedo; Gilberto
Técnico: Vágner Mancini

De autorin cind stellt sich vor ich bin 20 jahre alt und bachelorarbeit vorstellen zur zeit student