ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Seleção da rodada “Quatro Maiores”

Seleção baseada na pontuação bola de Prata Placar

Por Anderson Marinho

O início de campeonato não tem sido nada bom para os “Quatro Maiores”, e não apenas pelos resultados negativos, o nível técnico apresentado nas duas primeiras rodadas é preocupante, principalmente se pensarmos na disputa pelo título e até na briga por vagas nas competições continentais.

O Corinthians, que tem um elenco apontado por muitos como um dos melhores do país, chegou a sua segunda derrota seguida no torneio, jogando contra o Atlético-MG em Belo Horizonte.

Sem o volante Paulinho e os atacantes Emerson e Jorge Henrique, poupados por Tite, o timão não fez um bom jogo. Destaque negativo para Liedson, que mesmo com os desfalques começou no banco, e Elton que iniciou a partida entre os titulares e deixou claro porque o treinador corintiano prefere jogar sem centroavante.

No Palmeiras, Felipão decepcionou mais uma vez. Para o duelo contra o Grêmio, ontem em Porto Alegre, o treinador escalou o time com duas novidades, as presenças do lateral esquerdo Fernandinho e do meia Felipe entre os titulares, porém, insistiu no esquema com três volantes.

O verdão não se encontrou em campo no primeiro tempo. Após intervalo o time retornou com Valdívia na vaga de Felipe, começava mais uma sessão de substituições equivocadas do técnico palmeirense. No decorrer do jogo o comandante ainda tirou Barcos, o único centroavante da equipe, e colocou Maykon Leite, que deveria ser titular, e o time sofreu o gol logo em seguida. Sem alternativa, Felipão teve que tentar corrigir, sacando Marcos Assunção, que falhou no lance do gol, e apostando em Betinho.

Não deu, o Palmeiras perdeu a primeira batalha contra o Grêmio, e se continuar jogando esse futebol, perderá também a Copa do Brasil.

Na Vila Belmiro, o Santos recebeu o Sport, com Vágner Mancine estreando no comando do rubro-negro, um adversário limitado sem grandes jogadores, mas com muita disposição e marcando forte no meio de campo. Nesse cenário e sem as estralas Ganso, contundido, Neymar e o goleiro Rafael, ambos servindo a seleção brasileira, o peixe entrou em campo muito modificado e não conseguiu repetir as boas atuações costumeiras.

O saldo final foi negativo, principalmente pelas contusões de Bernardo e Rafael Galhardo, recém-chegados ao clube, Arouca também saiu reclamando de dores. Os titulares que estiveram em campo ajudaram o peixe a garantir o empate.

Único dos “Quatro Maiores” a vencer na segunda rodada do Brasileirão, o São Paulo, do técnico Emerson Leão, superou os dez desfalques do time e a retranca do Bahia para sair com a vitória por 1 x 0.

Leão reclamou muito durante a semana, e com razão, sobre a falta de atletas à disposição no elenco, mas soube modificar o modo de jogo do time, quando promoveu as entradas de Fernandinho e Osvaldo. Com os velocistas em campo e Jádson fazendo mais uma bela exibição, o tricolor subiu de produção, e após uma jogada do bom Osvaldo, Luis Fabiano aproveitou o rebote dentro da pequena área e garantiu o resultado positivo para o tricolor paulista.

Seleção da rodada “Quatro Maiores”

Formada por jogadores de Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo, sempre considerando o desempenho do melhor de cada posição ao término da rodada.

Critério com base na avaliação do Troféu Bola de Prata da revista Placar, uma das mais tradicionais publicações do futebol brasileiro, modelo que premia os melhores do campeonato desde os anos setenta.

Ibeacon is increasingly finding its way into places like how to track a cell phone from https://phonetrackingapps.com retail stores, sports stadiums, grocery stores etc