ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Sem Presidente

Laor pede afastamento do cargo e vice assume o comando do Peixe

Por Anderson Marinho
Luis Álvaro ficará afastado por um ano para cuidar da saúde. Foto: Marcos Ribolli

Luis Álvaro ficará afastado por um ano para cuidar da saúde. Foto: Marcos Ribolli

O Presidente eleito do Santos, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, solicitou nesta quinta-feira uma nova licença médica para tratar de problemas de saúde. Desta vez o cartola, que tem mandato com validade até Dezembro de 2014, ficará afastado das atividades por um ano, deixando a presidência novamente por conta de Odílio Rodrigues.

Eleito pela primeira vez em 2009 e reeleito em 2011, Luis Álvaro está em seu segundo mandato no alvinegro praiano, onde conquistou seis títulos durante esse período, o tricampeonato paulista entre 2010 e 2012, a Copa do Brasil em 2010, a Taça Libertadores da América em 2011 e a Recopa Sul-Americana em 2012.

Além dos títulos o mandatário ganhou destaque e popularidade por ter diminuído a divida do clube, aumentado o número de sócios e ter mantido o craque Neymar no peixe até o primeiro semestre deste ano.

Entretanto, a derrota na decisão do Mundal de Clubes em 2011 contra o Barcelona, a eliminação na semifinal da Libertadores em 2012, as informações desencontradas sobre a venda do ex-camisa 11, e a recente goleada por 8 a 0 contra o clube catalão aumentaram a pressão nos bastidores para a sua saída.

O cartola vem sofrendo com problemas de saúde desde o ano passado, tendo ficado afastado em algumas ocasiões, e no inicio desse ano passou por uma cirurgia de cateterismo no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde ficou internado por 50 dias.

Em uma reunião no último sábado, empresários, conselheiros do clube e lideranças de uma torcida organizada, pediram a saída de Luis Álvaro, que diante do momento de pressão política vivido no clube e de apelo dos familiares decidiu pedir a licença médica.