Um final de semana Português

Enquanto Cristiano Ronaldo “come” na Euro, o campeonato brasileiro segue “magrinho”

Por  Vladimir da Costa

Tinha tudo pra ser emocionante, tanto pelo campeonato brasileiro, quanto pela Eurocopa e foi ao menos no velho continente, já nós, ficamos devendo.

Na última rodada dos grupos A e B, duas partidas chamaram muito a atenção. No sábado, de maneira surpreendente a Grécia derrotou a Rússia e ficou com uma das vagas para as quartas de finais da Euro 2012. Os russos, até então tidos como “a seleção”, ficaram de fora da próxima fase ao perder por 1×0. A outra classificada foi à seleção da Republica Tcheca que também conseguiu classificação ao bater os anfitriões pelo mesmo placar.

No grupo B, a Alemanha, praticamente classificada jogou para o gasto e venceu a Dinamarca por 2×1 e garantiu o primeiro lugar com três vitórias.

Cristiano Ronaldo marca dois e cala a Holanda e os críticos (Agência EFE)

Vitória foi palavra que passou longe dos holandeses, até então, uma das favoritas a conquista da Euro, o time de Aren Robben e Van Pierce, começaram bem a disputa por uma das vagas contra a seleção de Portugal. Logo no início Van Der Vaart fez um belo gol, dando esperança por uma vaga, mas parou nisso. Cristiano Ronaldo muito inspirado infernizou a zaga holandesa, correu muito, deu passe para gol, desperdiçado por Nani, acertou a trave por duas vezes e acabou a partida com dois gols na vitória de virada contra a Holanda, que consegui perder as três partidas na primeira fase. Já Ronaldo jogou aquilo que se espera dele. Fez uma ótima partida e deu a vitória para a seleção de seu país.

Aqui no Brasil, os times paulistas atuaram na quinta rodada e, Corinthians, Santos e Palmeiras seguem como se o campeonato não tivesse começado. É bem verdade que houve erros grotescos de arbitragem no jogo do Palmeiras e Santos, quando um pênalti inexistente foi marcado a favor do Flamengo e outro claro, não foi dado a favor do Palmeiras. Com o resultado o Palmeiras segue sem vencer no brasileiro e amarga a penúltima posição, com apenas dois pontos ganhos, tendo apenas seu arquirrival e próximo adversário o Corinthians atrás.

A diferença é que o Palmeiras, que disputa uma vaga na final da Copa do Brasil, jogou em casa com os titulares e o Santos, que está na semifinal da Libertadores jogou fora, somente com jogadores reservas.

O outro lado da decisão contra o Santos, também anda mal das pernas e não parece ter um elenco tão forte assim. Jogando fora de casa contra a Ponte Preta, o Corinthians perdeu sua quarta partida em cinco disputadas e faz, até então uma campanha pífia, com apenas um ponto e amarga a última posição da tabela.  Agora é esperar pela quarta-feira e manter seu domínio dentro de casa para que a equipe consiga a tão sonhada vaga para a final do torneio intercontinental.

O melhor paulista colocado é o São Paulo, com nove pontos o clube também optou por jogar com seus jogadores titulares contra o Atlético Mineiro em casa. Com isso conseguiu os três pontos, com destaque para a boa atuação de Casemiro, que foi o encarregado de marcar Ronaldinho Gaúcho e se saiu bem na função. O destaque, negativo por sinal, é novamente Luís Fabiano, o artilheiro da equipe no ano com 16 gols, não consegue manter a calma mesmo marcando gol. Após voltar de suspensão por ter tomado três cartões amarelos nas primeiras rodadas o jogador perdeu a cabeça e em duas jogadas seguidas conseguiu ser expulso após perder totalmente o controle com o árbitro da partida. Com isso o jogador, novamente, será desfalque na próxima partida do campeonato brasileiro, no sábado, contra a Portuguesa.